Notícias Adventistas

Batismos marcam a abertura do Campori Ungidos

2500 desbravadores participam de evento buscando maior comunhão com Deus e integração entre amigos

CamporiANPa

Estrutura foi preparada para receber desbravadores em Castanhal-PA.

Castanhal, PA… [ASN]  “Prometam-me que vocês serão desbravadores e se entregarão à Cristo!”, disse Bruno Santos, o pai de Eduardo Leite e Valdecyr Neto. Os juvenis com lágrimas nos olhos prometeram realizar o sonho do pai.  O que ninguém sabia era que dias depois Bruno morreria assassinado.

BatismoANPA

Batismo de juvenil emociona platéia de 2500 desbravadores

Essa poderia ser uma história trágica, mas fala muito mais sobre vida do que morte.  Bruno estudou a Bíblia sozinho  e acreditava que a verdade estava na Igreja Adventista do Sétimo Dia. Apesar de ter o intuito de congregar com a família na igreja, não fazia isso por medo de decepcionar os parentes que tradicionalmente seguiam outra denominação religiosa. Após seu falecimento, os filhos viram a necessidade de cumprirem a promessa de serem desbravadores e realizarem o sonho do pai.

Hoje não é um dia qualquer para essa família, é aniversário de Valdecyr Neto.  A melhor forma que ele e seu irmão encontraram de comemorar esse dia foi entregando a vida à Cristo, investidos como desbravadores, como o pai queria. O batismo aconteceu durante o campori  “Os Ungidos”, realizado pela  Igreja Adventista no Norte do Pará . O evento teve inicio no dia 11 e vai até dia 14 de outubro,  no parque de Exposição de Castanhal-PA. Participam do evento mais de 2500 desbravadores, abrigados em mil barracas, e que apresentam em suas caminhadas histórias de transformações maravilhosas como essa.

Heberson_Licar

Pastor Heberson Licar recebe os desbravadores participantes do VII Campori da ANPa

O entusiasmo, as bandeiras de cada clube e os fogos não só abrilhantaram o céu de Castanhal, mas anunciaram que o Campori havia começado. Para o pastor Heberson Licar, líder de Desbravadores  no Norte do Pará, o tema Ungidos não foi escolhido por acaso. “Usar o lenço dos desbravadores é uma unção atual. Deus está nos chamando para sermos ungidos e um dia trocaremos o lenço por coroas celestiais”, afirmou.

A influência do campori sob os jovens foi um dos pontos destacados pelo orador oficial do evento, o pastor Eduardo Batista, líder de Desbravadores no Norte do Brasil. “Os jovens são influenciados por esse campori espiritualmente, para que futuramente possam influenciar outras pessoas.”

Isto que já está acontecendo na família de Valdecir Neto. Após o batismo, Cintia Leite, mãe de Valdecir, já vislumbra entregar sua vida à Cristo por influência dos filhos e afirma “ Essa é a nossa história e não se trata de fins, mas de recomeços”.  [Equipe ASN, Juliana Lima]

Confira outras fotos:

5000 #Desbravadores

Posted by Adventistas Norte Pará on Tuesday, July 19, 2016

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox