Notícias Adventistas

Artur Nogueira sediará fórum sobre mulher e empreendedorismo

O Fórum acontecerá no dia 17 de setembro no Centro Cultural Tom Jobim. Veja mais detalhes na matéria completa.

Segundo a Organização Internacional do Trabalho (OIT), as mulheres trabalham 30 horas a mais que os homens por causa dos afazeres domésticos. Foto: internet

Segundo a Organização Internacional do Trabalho (OIT), as mulheres trabalham 30 horas a mais que os homens por causa dos afazeres domésticos.
Foto: internet

Artur Nogueira, SP… [ASN] Desde sua criação em 2006, a Lei Maria da Penha (Lei N° 11.340) reduziu em cerca de 10% a taxa de homicídios no âmbito doméstico. Mesmo assim, o Brasil é o 5° país no ranking mundial de violência contra a mulher, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS). Uma pesquisa do Data Senado estima que mais de 13,5 milhões de mulheres já tenham sofrido algum tipo de agressão no país. Entre estas, 31% ainda precisam conviver com o agressor, e 14% continua sofrendo violência.

Leia também:

Violência macro 

Em Artur Nogueira, interior de São Paulo, 96 casos já foram relatados só nos primeiros seis meses de 2016. Em virtude destes números alarmantes, a cidade sediará o 1º Fórum da Mulher: Gênero, Violência e Empreendedorismo. Através da contextualização e elucidação do tema, o evento busca fortalecer a autoestima e estimular mulheres a buscar autonomia e realização profissional e pessoal através do empreendedorismo. O evento será realizado pelo Serviço de Psicologia (SEPSI), em parceria com a Agência de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA).

[3]

Juliana de Souza, psicóloga e fundadora do SEPSI.

O evento está sendo organizado pela psicóloga e fundadora do SEPSI, Juliana de Souza Assis. Ela revela porque a cidade de Artur Nogueira foi escolhida para sediar o evento: “Escolhemos algumas cidades para desenvolver ações voltadas à mulher, devido à necessidade de continuarmos combatendo a desigualdade e violência que as mulheres sofrem em todo o Brasil. A ADRA tem vários projetos no Estado onde as mulheres são o maior público atendido, como é o caso da Casa ADRA de Artur Nogueira”, explica.

Segunda ela, no mês de setembro mais projetos serão direcionados para meninas de 11 a 15 anos de duas escolas da região. “O objetivo é ajudar essas meninas a desenvolverem uma melhor autoestima e auto valorização, além de prevenir o abandono do estudo, gravidez precoce e outros problemas recorrentes nessa idade”, diz Juliana.

O Fórum acontecerá no dia 17 de setembro no Centro Cultural Tom Jobim,  das 14 as 18 horas.  As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo telefone 3877- 1266 ou na Casa ADRA (rua Oswaldo Cruz, n° 1052).

O que é o SEPSI

O SEPSI foi criado em 2009 com a missão de popularizar a psicologia. O órgão Não Governamental (ONG) visa facilitar o acesso ao serviço e oferecer palestras e fóruns. Ao todo, mais de 30 psicólogos já participaram do projeto. [Equipe ASN, Jefferson Braun]

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox