Notícias Adventistas

ADRA Brasil lança projeto pioneiro no país

O projeto capacita pessoas em locais estratégicos do país para atuarem em desastres naturais.

Participantes do curso na Casa ADRA, em Artur Nogueira.

Participantes do curso na Casa ADRA, em Artur Nogueira.

Artur Nogueira, SP… [ASN] No ano passado, cerca de 33 milhões de pessoas em todo o mundo foram forçadas a deixar suas casas devido a desastres naturais. De acordo com dados divulgados pelo Conselho Norueguês para os Refugiados, estima-se que 98% deles foram atingidos por fenômenos relacionados ao clima.

Leia também:

A ocorrência de desastres naturais no Brasil aumentou 268% na última década, segundo dados divulgados pelo centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad). Segundo este documento, o país apontou aumento em todos os tipos de desastres característicos do continente americano. O Brasil encontra-se no ranking dos 10 países com maior número de incidentes nos últimos 20 anos. Isso quer dizer que, de 1995 a 2015, cerca de 51 milhões de brasileiros foram impactados por desastres de origem natural.

Neste cenário de números alarmantes, a Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA) surge através do projeto pioneiro no Brasil, Avaliação de Danos e Análise de Necessidades (Adanec), em parceria com a Agência Humanitária Americana Office Of U.S Foreing Disaster Assitence (USAID/OFDA), para capacitar pessoas em locais estratégicos do país a fim de realizar avaliações precisas das necessidades apontadas.

O projeto já viajou cidades como Natal (RN), Curitiba (PR), Salvador (BA) e Cuiabá (MT). Outras cidades como Rio de Janeiro (RJ), Manaus (AM) e Distrito Federal (DF) são as próximas a sediar o evento. Em São Paulo, seis cidades estratégicas foram escolhidas para sediar o projeto, uma delas é Artur Nogueira. A ação acontece durante os dias 6, 8 e 9 deste mês no Núcleo da ADRA na cidade.

A iniciativa é uma ferramenta para avaliar os impactos de eventos catastróficos, como explica a coordenadora do projeto, a jornalista Giselly Abdala. “O Adanec é uma ferramenta utilizada para planejar a resposta. Suas técnicas são usadas e aprimoradas há mais de 20 anos em diversas partes do mundo por organismos internacionais de gestão de desastres, sendo complementares ao sistema de Defesa Civil no Brasil”, explica. “Nestes três dias, iremos compartilhar e aprimorar conhecimentos e habilidades que permeiam o contexto da avaliação de danos em saúde, linhas vitais, habitação e infraestrutura produtiva; bem como efetuar análise de necessidades para, então, propor ações prioritárias pós-evento adverso”, acrescenta.

O projeto é voltado para todos os públicos que se interessam pelo assunto, como explica o diretor da ADRA Brasil para o Estado de São Paulo, pastor Ivo Suedekum, “Em Artur Nogueira, temos aproximadamente 30 pessoas, contando com a cidade vizinha de Engenheiro Coelho. Em sua grande maioria, são servidores de Organizações Não-Governamentais (ONGs) e servidores das duas prefeituras. São pessoas que já trabalham diretamente com o olhar a favor da comunidade, e pessoas que não estão diretamente trabalhando nesta área, mas que querem fazer a diferença em sua comunidade e em sua cidade”, explica.

Programador de Sistemas, Ícaro Assunção.

Programador de Sistemas, Ícaro Costa.

Quem participou, como o programador de sistemas, Ícaro Costa, assume que sua formação profissional não o impede de aprender mais em ajudar o próximo. “Não sabemos calcular quando ou aonde vai acontecer um desastre natural, este tipo de curso vem a calhar para a sociedade como uma utilidade pública. A própria sociedade fica ciente do que pode ser feito caso aconteça alguma tragédia”, diz Ícaro.

Sobre o curso Adanec, ele está dividido em oito lições, e são elas: Introdução a Gestão de Riscos; Características dos Eventos Adversos; Equipes de trabalho e Adanec; Operação e Logística; Técnicas de Coletas de Dados; Análise e Interpretação da Informação; Medição do impacto de um Evento Adverso; Tomada de Decisões Críticas.

Conhecendo a ADRA Brasil

A ADRA Brasil é uma organização privada, não governamental e sem fins lucrativos de objetivos assistenciais, beneficentes e filantrópicos. O órgão faz parte da rede internacional de organizações humanitárias independentes que foi estabelecida pela Igreja Adventista do Sétimo Dia em 1984. Com presença em 130 países, a ADRA executa projetos de desenvolvimento comunitário e de assistência humanitária sem qualquer distinção política, racial, religiosa, de idade, sexo ou etnia.

Sobre o Usaid

A Usaid é a liderança da Agência do governo dos Estados Unidos que trabalha para acabar com a pobreza extrema global. A fim de apoiar estes objetivos, o presidente John. F. Kennedy criou a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional por ordem executiva em 1961. [Equipe ASN, Jefferson Braun]

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox