Notícias Adventistas

Obras com mensagens de esperança mudam vidas de famílias gaúchas

Hoje elas também ajudam a promover as literaturas que contribuíram para que conhecessem mais sobre a Bíblia

Porto Alegre, RS… [ASN] João Batista Prates encontrou a ajuda dentro da gaveta. Ao abri-la, se deparou com o livro Tempo de Esperança. Sua esposa tinha levado o exemplar para casa, pois recebeu de presente em seu trabalho. Na época que decidiu ler a obra, Prates estava cansado, estressado e deprimido. “Ao ler os capítulos fui entendendo que o sábado é um dia de descanso e de guarda”, afirma. Assim, conseguiu aliviar o estresse, diminuir o cansaço e ficar mais feliz.

Depois dessa primeira leitura, conheceu a Rádio Novo Tempo e se tornou um ouvinte assíduo. Foi então que chegou às suas mãos o livro A Grande Esperança. Depois de repassar os ensinamentos e apontamentos bíblicos contidos nele, decidiu estudar a Bíblia e foi procurar pessoas que poderiam ajudá-lo. Fez uma série de estudos e decidiu ser batizado, já que os livros deram a base e a Rádio Novo Tempo e os amigos aprofundaram os conhecimentos.

Leia também:

Duas das obras que mudaram as rotinas das famílias gaúchas

“Parei de beber e minha esposa viu as transformações rápidas e foi surpreendida pelas decisões que tomei ao lado de Jesus. Ela também quis estudar a Bíblia e também foi batizada. Hoje somos líderes na igreja de Várzea Grande, na cidade de Gramado”, ressalta Prates.

Desde que foram batizados, não perdem a oportunidade de presentear um amigo ou um familiar com literatura cristã. “Onde quer que vamos, estamos com livros nas mãos. Todos os anos participamos animados do Impacto Esperança porque a maior alegria que temos é dar um livro para as pessoas, porque sabemos que poderão ser alcançadas pela mensagem de Jesus, como nós fomos”, enfatiza o casal.

Obras que geram decisões

Antônio Teodózio Knob é outro exemplo de transformação por meio dos livros. Ele comprou um exemplar de O Grande Conflito quando um colportor (vendedor de literatura cristã) visitou seu local de trabalho.

Antônio e Ivanice mostram os exemplares que influenciaram suas decisões

A obra ficou guardada em sua casa por muito tempo, até ele começar a namorar e decidir ler. Ficou admirado com o conteúdo e com o que descobriu, sobretudo em relação ao sábado bíblico. Foi então que, depois de algum tempo, recebeu um exemplar de A Grande Esperança, que se trata de um resumo de O Grande Conflito. Mais uma vez, se deparou com o sábado e com um carimbo da Igreja Adventista.

“Visitamos a igreja em uma quarta-feira e depois de dois anos continuamos na igreja adventista da Lomba do Pinheiro, em Porto Alegre. Ficamos porque nos receberam bem, nos ofereceram estudos bíblicos e aceitamos os estudos. Fomos batizados e até nos casamos”, conta Knob.

Hoje o casal estuda a Bíblia com dois colegas de trabalho de Antônio e apresentam o que receberam por meio das literaturas, da programação da TV Novo Tempo e dos ensinamentos dos amigos. “É uma honra poder compartilhar as experiências que tivemos ao lado de Deus, e isso nos motiva. Mesmo quando alguém demora para ler um livro sobre Deus que comprou ou ganhou, vai chegar um dia que vai ler, e aí a vida vai ser transformada”, enfatiza Knob. [Equipe ASN, Eduardo Teixeira]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox