Notícias Adventistas

Estudantes adventistas realizam Impacto Esperança na serra gaúcha

Ação resultou na entrega de 2.600 exemplares do livro Em Busca de Esperança

Porto Alegre, RS… [ASN] Quando amigos se unem para ajudar outras pessoas a força é dobrada. Foi isso que os alunos e os funcionários do Colégio Adventista de Gravataí e do Colégio Adventista de Porto Alegre experimentaram ao distribuir na cidade de Canela-RS cerca de 2600 livros Em busca de Esperança no sábado, 3 de junho.

Além da distribuição missionária foram feitas aproximadamente 160 inscrições para cursos bíblicos que serão ministrados pelos jovens do programa Um Ano em Missão que irão atuar naquela comunidade.

As quase 100 pessoas que participaram da ação, foram até a região da Vila Wortmann e chamaram a atenção da cidade como conta o pastor do Colégio Adventista de Gravataí, Dalmo Dion.

“Fomos a um restaurante almoçar com todo o grupo e como estávamos identificados com camisetas, uma família que estava por lá me procurou para saber mais sobre quem erámos e o que estávamos fazendo. Era uma família evangélica que ficou impressionada com o comportamento e o trabalho dos jovens. Disseram que tinham observado como o grupo se diferenciava de uma excursão e acharam a atitude muito bonita. No final da conversa, me perguntaram se tínhamos algo para vender para que eles pudessem ajudar. Eu disse que só estávamos distribuindo gratuitamente livros sobre esperança e então falaram: queremos esse livro!”, relata Dion.

Os alunos também saíram satisfeitos após a entrega de milhares de exemplares, com o senso de dever cumprido e com vontade de participar em outras atividades evangelísticas como é o exemplo de Camila Amorim. “É uma sensação muito boa a de poder transmitir a Palavra de Deus, ainda mais quando a pessoa está em busca de esperança, como fala o livro. Gostaria de fazer isso mais vezes”, afirma Amorim.

Ao final da ação, o pastor Dalmo Dion comemorou ao lado dos estudantes o êxito da viagem. “Os estudantes não fizeram apenas doações de livros, mas oraram, motivaram, abraçaram e consolaram os moradores da região. Levar um grupo de jovens e adolescentes para esse tipo de trabalho missionário é fascinante porque podemos vê-los envolvidos com alegria por meio de atitudes missionárias que mudam a vida de quem participa”, explica o pastor. [Equipe ASN, Eduardo Teixeira]

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox