Notícias Adventistas

Igreja cria programa que valoriza envolvimento espiritual, social e missionário de jovens

Edição do programa Sábado Total uniu jovens de várias cidades em Frederico Westphalen, município do Rio Grande do Sul.

Estudantes universitários de Frederico Westphalen receberam livros missionários e balões em forma de coração – como alusão ao Dia dos Namorados. Na entrega, os jovens sugeriam entregar o balão para a pessoa amada.

Frederico Westphalen, RS… [ASN] O dia ensolarado não podia ter vindo em melhor hora, pelo menos, para dezenas de jovens que saíram de suas cidades rumo a Frederico Westphalen, município localizado no noroeste do Rio Grande do Sul. A razão foi um programa intenso que começou na igreja adventista da cidade, prosseguiu com atividades no centro e em uma comunidade mais afastada durante a tarde, tendo seu desfecho no pátio do templo.

Criada pelo Ministério Jovem da Igreja Adventista para os três Estados do Sul do Brasil, a iniciativa vem sendo chamada de Sábado Total, um dia inteiro de atividades direcionadas ao envolvimento dos jovens. Nesta ocasião, grupos de Miraguaí, Sarandi, Palmeira das Missões e Frederico Westphalen se uniram em favor da consagração de vida, ações sociais e descontração. “A ideia é que ele aconteça uma vez por mês em cada distrito para passar um sábado juntos, na Escola Sabatina e no culto; à tarde, fazendo ações comunitárias; depois, se reunindo novamente para um culto de celebração, testemunho, estudo da Bíblia e, aí, depois, ter a parte da confraternização”, explica o pastor Márcio Xavier, líder adventista dos departamentos que atendem jovens, desbravadores e aventureiros no noroeste gaúcho, onde o programa tem acontecido.

Entre as ações, uma delas foi feita ainda no sábado pela manhã, quando um grupo de participantes se dirigiu até a Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), campus Frederico Westphalen, entregando balões em forma de coração – uma alusão à proximidade do Dia dos Namorados – junto a livros missionários e cartões. A estagiária que atua na biblioteca da universidade, Natanieli Oliveira, foi contemplada pelo gesto e aprovou a iniciativa. “Gostei muito dos presentes que eu recebi hoje e considero uma atitude muito criativa”, opina.

Jovens ficaram posicionados em locais movimentados do centro de Frederico Westphalen oferecendo abraços gratuitos.

Os balões e os livros também foram distribuídos no centro da cidade no período da tarde, junto a abraços gratuitos. As ações foram consideradas positivas para duas estudantes que estavam na praça central e receberam os presentes. “Fiquei surpreendida por ver isso, já que em cidade pequena não tem muito dessas coisas, então, é legal espalhar um pouco de amor e divulgar a ideia da religião, além de quebrar um pouco desses preconceitos que existem”, declara Joana Batisti da Silva. “É legal usar a religião para unir, pois, ultimamente está difícil, mas achei bem legal e interessante, inclusive os abraços grátis”, expõe Isadora Brandt.

Para a estudante universitária Nathália Calza, que faz parte do distrito de Sarandi, a participação foi importante já que pôde colaborar com a divulgação de uma mensagem, às vezes, mal interpretada por quem não a conhece a fundo.  “Eu acho que o que se está precisando ali fora, é mostrar quem é Jesus, porque, às vezes, as pessoas têm uma visão sobre isso e, na verdade, não é bem o que elas pensam. Eu espero que esse ato realmente possa fazer com que alguém leia o livro, que é sobre a esperança que Jesus nos traz, e que a gente possa ajudar cada vez mais pessoas e levar essa mensagem a quanto pudermos”, ressalta.

Serviços gratuitos e esclarecimento para a comunidade

Durante a tarde, o ginásio de uma comunidade carente conhecida como Linha 21, pertencente a Frederico Westphalen, foi palco de uma Feira de Saúde, onde serviços gratuitos foram oferecidos, como teste de glicose, medição de, altura, peso, pressão e capacidade de respiração. Estandes com os oito remédios naturais também faziam parte do circuito de atividades oferecidas pelos jovens e voluntários parceiros. Voluntários também ofereceram atividades, como corte e cabelo, manicure e atividades infantis.

A estudante Liana Fiebig saiu de Palmeira das Missões para auxiliar como voluntária da área de saúde durante a feira. Segundo ela, ajudar pessoas com aquilo que tem aprendido em sua universidade é gratificante. “Além de aprender muito com essas pessoas que passaram por aqui, eu pude passar um pouquinho do conhecimento adquirido sobre o controle da glicemia e também sobre o cuidado com a quantia de açúcar que a gente come para poder ter uma vida melhor”, declara.

Feira de saúde contou com exames gratuitos, como por exemplo, o teste de glicemia.

Uma das moradoras atendida no circuito foi a vendedora Maria Suzana Saldanha, que ficou surpreendida com as ações dos jovens. “Não é sempre que a gente tem tudo assim, gratuito. É muito bom o que eles fizeram por nós. Eu estou bem, mas é sempre bom ver como está a saúde da gente. A gente quase não tem tempo de ir ao médico, então foi uma oportunidade muito boa que tivemos”, conta.

A parceria no oferecimento de serviços e esclarecimento a comunidade não se restringiu a voluntários da igreja. A conselheira tutelar da cidade, Terezinha Santos, realizou uma palestra sobre aspectos da higiene pessoal a famílias carentes da comunidade em uma escola localizada em frente ao ginásio. “Nosso público foi basicamente infantil, sem contar algumas mães que compareceram também. Foi abordado especialmente a higiene nesta faixa etária, como escovação dentária, lavagem das mãos. Estamos plantando uma semente. Alguns não tem sequer uma escova ou creme dental em casa. Eles também ganharam um kit com sabonete, shampoo, escova dental. A gente sabe da necessidade de esclarecimento que eles precisam para o dia a dia deles, então foi muito bom trabalhar com a comunidade”, explica.

Após as mobilizações, os jovens voltaram a igreja e relataram suas experiências no período da tarde e, em seguida, fecharam o programa com a cerimônia de batismo de um desbravador, seguida por uma atividade social no pátio – oportunidade para descontrair e conhecer novas pessoas. [Equipe ASN, Willian Vieira]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox