Notícias Adventistas

Centro de influência de Porto Alegre apoia Setembro Amarelo com orientação psicológica gratuita

Iniciativas apoiam campanha de prevenção ao suicídio e prosseguem com atividades ao longo do ano.

14339193_169301203510456_153361699_oPorto Alegre, RS… [ASN] O discussão que envolve o suicídio, ou situações que geram, ao menos, o pensamento suicida, como o medo, a depressão e traumas emocionais, ainda são um tabu social. Com frequência, pessoas que enfrentam esse tipo de problema são vistas por muitos, como fracassados. Para ajudar o público que sofre com problemas emocionais complexos, o  Centro de Vida Saudável de Porto Alegre (CVS) apoia a campanha Setembro Amarelo, período na qual o suicídio é amplamente discutido, com o oferecimento de mecanismos de prevenção. Entre eles, estão orientações psicológicas no formato individual, programa de psicoterapia em grupo, terapia familiar, aconselhamento, além de atividades físicas e dinâmicas, que também favorecem o melhor funcionamento da mente. Todos os programas continuam mesmo após o fim do mês.

Leia mais:

Sociedade mundial aproveita setembro para discutir suicídio

Quando e como procurar atendimento psicológico

Atualmente, existem três turmas em andamento no programa de psicoterapia de grupo, que é voltado a todos os públicos, acontecendo uma vez por semana. Ao todo, são 24 encontros realizados. Além disto, há também a possibilidade da orientação psicológica individual e, inclusive, a terapia familiar.

Quem participa dessas atividades também é incentivado a cuidar do restante da saúde, no que diz respeito ao equilíbrio alimentar, realização de exercícios físicos e fortalecimento de vínculos sociais. A psicóloga e terapeuta familiar Rejane Richter, que coordena os programas desta natureza, reforça não dá para dissociar a mente do corpo. “O cérebro vai emitir descargas elétricas e informações que interagem entre os dois pólos. Se você cuida só de um e deixa o outro, é irrelevante. Um, na realidade, está interligado ao outro, com objetivo de se ter a saúde plena”, explica.

Além disto, algumas dinâmicas que fazem pessoas enxergarem as dificuldades de outros pacientes, bem como se confraternizarem, fazem parte dos programas. Na visão de Rejane, tais atividades são fundamentais na prevenção ou, ao menos, diminuição dos pensamentos em torno do suicídio. “O ser humano não é um ser isolado. Ele necessita da criação de vínculos, pois na solidão, ele não tem sentido de vida e acaba não buscando mais. Algumas pessoas chegam ao grupo com sintomas de depressão e transtorno de pânico e, quando estão lá dentro, sentem-se fortalecidas. É isso que faz do grupo importante: o apoio. Nas dinâmicas, quando a pessoa vê as dificuldades do outro, ela também percebe que os problemas dela não são tão grandes assim, pois compreende a dor do outro e a dele. Isso tudo é fundamental para a saúde psíquica e do corpo também”, ressalta.

Para integrar as turmas ou agendar sessões, entre em contato pelo telefone (51) 3245-7099 ou pelo e-mail contato@cvspoa.org.br. O endereço do CVS é Rua General Bento Martins, número 60, Centro Histórico, em Porto Alegre. [Equipe ASN, Willian Vieira, com informações do CVS]

Veja o institucional do Centro de Vida Saudável de Porto Alegre:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox