Notícias Adventistas

Campal reúne cerca de 7 mil pessoas na Bahia

Além da habitual programação, os participantes conheceram a história dos pioneiros da Igreja Adventista.

Evento contou com a participação de adventistas da Bahia, Sergipe, Pernambuco e Alagoas.

Evento contou com a participação de adventistas da Bahia, Sergipe, Pernambuco e Alagoas.

Cachoeira, BA… [ASN] Mensagens espirituais, momentos de adoração, louvor e demonstrações de amor ao próximo. Este pode ser o resumo da Campal da Missão Iaenense, realizada nos dias 04 e 05 de outubro, no campus da Faculdade Adventista da Bahia, em Cachoeira. O evento reuniu, aproximadamente, sete mil pessoas, que vieram de diversas congregações adventistas dos Estados da Bahia, Sergipe, Pernambuco e Alagoas.

Ao longo da programação, oito pessoas foram batizadas. O orador oficial foi o pastor Areli Barbosa, líder de Jovens da Igreja Adventista para a América do Sul. Os convidados musicais foram os cantores Felipe Valente e Nadson Portugal. Já o louvor congregacional, ficou por conta do Ministério de Louvor Reavivados para a Missão. A Campal ocorre anualmente e é organizada pela Missão Iaenense – órgão formado por estudantes do 4° ano do Seminário Latino-Americano de Teologia (SALT-IAENE).

O público assistiu uma programação diversificada e participou de diferentes atrações, como conhecer uma réplica do Santuário de Israel, fazer uma trilha que ilustrava a história dos pioneiros da Igreja Adventista do Sétimo Dia e visitar o Museu de Geociências e o Centro de Pesquisas Ellen G. White.

Por outro lado, a Campal também valorizou a responsabilidade socioambiental, por meio da arrecadação de 1,5 tonelada de alimentos – organizada pelo Grupo de Apoio ao Teologando (GATE), para serem distribuídos às famílias de estudantes carentes; doação de 99 bolsas de sangue; e coleta de mais de 1,5 tonelada de lixo seco para uma cooperativa de reciclagem.

Outras atrações ficaram por conta do momento de escrita da Bíblia, em que os participantes se mobilizaram para escrever toda a Bíblia simultaneamente; o Fogo do Conselho, dirigido pelo pastor Vinícius Metzker, que dramatizou a encenação da morte de John Huss numa fogueira; a Casa Aberta; e a gravação, ao vivo, do programa Conexão da TV Novo Tempo, com a apresentadora Luciana Santana.

Confira a seguir, a avaliação do evento na visão de alguns participantes:

“O objetivo deste evento é evangelizar, pregar a Palavra de Deus, louvar e conquistar novos batismos. Enfim, uma festa espiritual. Queremos colocar o senso de missão dentro de cada membro para que todos tenham ânimo e disposição para ‘apressarmos o Céu’.” Emerson Metzker, presidente da Missão Iaenense.

“A Campal é um momento muito significativo porque reúne a irmandade de diversas congregações. Como seminário, temos a oportunidade de desafiá-los para a fidelidade na missão de Deus. Além disso, unimos nosso grupo de alunos no propósito de servir os visitantes e garantir um bom evento.” Pr. Jolivê Chaves, diretor do SALT-IAENE.

“A Igreja Adventista tem uma missão que ainda está por ser acabada e precisamos agir. Ao olharmos para nossa história, entendemos porque iniciamos este trabalho e vemos que agora precisamos concluí-lo para Jesus voltar.” Pr. Areli Barbosa, líder de Jovens da Igreja Adventista para a América do Sul.

“A Campal mostra que nossa instituição tem grandes oportunidades de tornar-se um modelo de desenvolvimento do ministério no Brasil. Temos um foco de missão integrada com a vida intelectual, acadêmica e nossa infraestrutura para consolidar a imagem de missão e envolver a todos.” Pr. Juan Choque, diretor do IAENE.

“Um evento como este pontua o compromisso da igreja e da escola, de trabalharem com o povo pela missão do Evangelho. Precisamos fortalecer nossos ideais para cumprir o propósito Divino.” Pr. Nelson Milanelli, responsável pela Igreja do IAENE. [Equipe ASN – Texto: Cassio Medeiros / Edição: Monique dos Anjos]

 

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox