Notícias Adventistas

Alunos da Granja Viana visitam idosos em Caucaia do Alto

Aluno do 4º ano e idoso do lar visitado

Aluno do 4º ano e idosa do lar

São Paulo, SP… [ASN] Muita Lama. Este foi o cenário que a turma do 4º ano da Escola Adventista da Granja Viana encontrou em Caucaia do Alto, na região de Cotia. O quê essas crianças foram fazer lá num dia de chuva? A resposta é uma palavra simples: solidariedade. Eles foram visitar o asilo Lar Escola Francisco Cândido Xavier.  Os idosos que moram no local têm entre 66 a 92 anos.

“Nós pensamos em um orfanato, ou visitar alguns moradores de rua, mas nós chegamos a conclusão de que o asilo seria o essencial para eles. Eles se mostraram bem entusiasmados com tudo isso, mesmo tendo que enfrentar tudo o que enfrentamos para chegar até aqui. Deus abençoou e graças a Ele deu tudo certo”, afirma a professora da turma, Elisa de Almeida, professora do 4º ano.

As crianças e os pais que estavam presentes demonstraram estar bem contentes e alguns até se emocionaram. “Eu achei legal a visita, porque os velhinhos só querem atenção, eles são muito sensíveis. Eles são iguais a crianças. Eu fiquei muito emocionado, porque muitos deles fazem parte da nossa história e eu gostei de fazer eles sorrirem e de agradar o Natal deles”, afirma o aluno Wendel da Silva, de 9 anos. Ana Beatriz dos Santos, da mesma idade, também gostou muita da nossa iniciativa. “A gente tem que ajudar não importa a idade”, afirma a aluna. “A Escola está de parabéns com essa atitude, eu fiz questão de vir, cheguei lá perto da lama e falei: eu deixo o carro aqui, mas nós vamos descer a pé”, diz Denise Furtado, mãe de aluno.

Idosos recebendo presentes

Idosos recebendo presentes

Além da visita aos idosos, a criançada arrecadou alimentos, materiais de higiene, entre outros utensílios, e presentearam os moradores do asilo. De acordo com Marlene Almeida, coordenadora da instituição, os idosos da casa são muito carentes. “Eles ficam muito sozinhos. Alguns têm família, outros não têm, mas eles recebem visitas raramente. Esse contato com  as crianças para eles é muito bom. E para nós também é muito gratificante”, diz a administradora do lar. [Equipe ASN, Isadora Schmitt]

 

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox