Notícias Adventistas

Projeto prepara alunos para vestibulares em São Paulo

Projeto de preparo para vestibulares é chamado de Adventure do Conhecimento e se preocupa em qualificar alunos

Alunos reunidos no Colégio Adventista da Liberdade, para realizarem as provas do Adventure do Conhecimento.

Alunos reunidos no Colégio Adventista da Liberdade, para realizarem as provas do Adventure do Conhecimento.

São Paulo, SP… [ASN]  Estudar e manter a concentração para responder as questões propostas requer muita atenção e paciência na hora de responder as 100 perguntas no vestibular. A Rede de Educação Adventista no território da Associação Paulistana da Igreja Adventista realizou o projeto Adventure do Conhecimento, no Colégio Adventista da Liberdade, na capital paulista, com o intuito de incentivar os alunos a ampliarem suas aptidões intelectuais.

O projeto é aberto para as 15 escolas adventistas da região, para os alunos do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio. O objetivo do evento não foi o de promover competição, mas desenvolver relacionamentos, amizades e estimular o senso de estudo para as provas e vestibulares.

“É o nono ano que desenvolvemos esse trabalho. Quando olhamos para o PISA, nós verificamos que os brasileiros estão quase em último lugar e isso nos preocupa muito. Então hoje, estamos oferecendo uma oportunidade do aluno conviver com essa pressão existente nas provas”, explica o professor Lourisnei Fortes, diretor da Rede na região. O Programme for International Student Assessment (Pisa), ou Programa Internacional de Avaliação de Estudantes , é uma iniciativa de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos países. O programa é desenvolvido e coordenado pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Leia também:

Durante o primeiro semestre letivo, os alunos participaram de simulados e, aqueles que se destacaram em suas notas, foram selecionados para o evento. Português e Matemática são disciplinas em que os alunos mais sentem medo na hora da prova, porém os professores garantem que esse tipo de prova ajudam os alunos a se sentirem mais confiantes.

“Todas as vezes que você lança um desafio para os alunos, você acaba estimulando mais o raciocínio e o intelecto deles. Então, trazê-los pra cá é muito importante. A matemática é como um bloqueio para os alunos, então quando você fala que o aluno é bom e que vai conseguir, isso é motivante para todos os alunos”, ressalta a professora de Matemática Susana França, do Colégio Adventista de Cotia.

Os alunos que estavam presentes no evento acreditam que esse tipo de programação os incentiva a terem mais responsabilidades com os estudos. “A vontade de representar a minha escola, foi o que me motivou. E ouvir dos professores que você tem potencial, ajuda bastante e a prova também estava muito boa”, diz Heitor Vicente, ano do Colégio Adventista de São Roque.  [Equipe ASN, Tainá Macedo]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox