Notícias Adventistas

Parceria entre Igreja Adventista, ONG, Prefeitura e Sebrae beneficia novos empreendedores

Cerimônia de entrega de alvarás reuniu beneficiários e autoridades no auditório da OAB-Itaboraí

Cerimônia marca entrega de alvarás a novos microempreendedores individuais em Itaboraí, RJ.

Itaboraí, RJ… [ASN] A última sexta-feira foi dia de comemoração para o grupo de novos empreendedores apoiados pela Igreja Adventista do Sétimo Dia na região Fluminense e pela ONG suíça Advent-Stiftung. Por meio de uma parceria entre as duas instituições, a Prefeitura de Itaboraí, RJ, e o Sebrae-RJ, eles receberam treinamentos na área de gestão e empreendedorismo e o alvará de funcionamento dos seus negócios.  Essa parceria proporcionou ao grupo a chance de começar suas atividades com toda a estrutura para o sucesso. A cerimônia aconteceu no auditório da OAB-Itaboraí.

Pastor Geovane Souza e o secretário de Desenvolvimento Econômico Roberto Lucero

Eles tinham uma ideia na cabeça, força para trabalhar e muita vontade de vencer, mas não tinham estrutura e nem condições financeiras para dar asas aos seus sonhos. Foi aí que a parceria firmada foi fundamental. “Quando o trabalho é efetivo e o objetivo é ajudar as pessoas, instituições sérias reconhecem a iniciativa e a apoiam. E o resultado é o que estamos vendo aqui, que são pessoas ganhando uma nova perspectiva de vida. E a Igreja Adventista do Sétimo Dia, além de entender seu papel na sociedade, tem muito orgulho de participar dessa história”, disse o pastor Geovane Souza, presidente da Igreja Adventista na região.

A Igreja Adventista fez a seleção dos beneficiários, que passaram por avaliação social e ganharam os equipamentos para trabalharem da ONG Advent-Stiftung, no início de maio. A partir daí, eles e outros microempreendedores individuais passaram pelo processo de capacitação em gestão oferecido pelo Sebrae e a Prefeitura de Itaboraí, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, empenhou-se em desburocratizar o processo, agilizando a emissão dos alvarás de funcionamento necessários.

“Eles receberam treinamento, equipamento e o alvará. Agora é só voar!”, comemorou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Roberto Lucero. “Ao unirmos forças tornamos os resultados possíveis, pois sozinho ninguém consegue avançar. A dificuldade leva à união”, complementou, referindo-se ao momento econômico e político difícil pelo qual o Brasil atravessa.

Subsecretária de Desenvolvimento Econômico, Ana Cristina Vicente, o consultor do Sebrae Victor Marins e o pastor Geovane Souza

A artesã Fabiana Campos, 31, já produzia lembrancinhas em EVA, mas viu sua produção triplicar depois que ganhou a máquina para cortar as peças. “Eu não tinha a máquina, então não conseguia produzir tanto quanto agora. Aqui aprendi como formular o preço de venda e a importância do atendimento ao cliente, entre tantas coisas importantes”, conta.

Durante uma semana, os participantes estiveram na Semana Sei, promovida pelo Sebrae. Eles participaram de aulas com os temas Sei Empreender, Sei Comprar, Sei Vender, entre outros, que abordam o universo de gestão e marketing para microempreendedores individuais. O consultor da instituição, Victor Marins, elogiou a iniciativa da parceria. “O empreendedorismo é uma saída social, pois cria espaço no mercado e melhora a condição de vida das pessoas. Muitas vezes o que eles precisam é só de um empurrãozinho e isso eles receberam aqui.”, disse. [Equipe ASN, Marcely Seixas]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox