Notícias Adventistas

Fortalecimento da marca adventista discutido por líderes mundiais

 

Líder mundial pediu esforço com Deus para integração e ajuda com a marcaWashington, EUA .. [ASN] A preocupação com a marca foi o principal destaque nesta quarta-feira, 26, durante o Global Media Communication, evento que reúne vários líderes e profissionais de comunicação adventistas de todas as partes do mundo na sede da Associação Geral da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Duas palestras com especialistas abordaram a respeito da necessidade de um posicionamento da denominação, o que também é uma preocupação do líder mundial adventista. Pastor Ted Wilson esteve presente durante todas as discussões e apresentações e ressaltou a importância do uso da tecnologia de comunicação em um mundo onde mais de 50% da população vive em grandes metrópoles. “Precisamos acordar, pois muitos não percebem o que está ocorrendo no mundo ao nosso redor. Há uma multidão a ser avisada de que Cristo logo vai voltar”, destacou.

Para fortalecimento da marca adventista, uma das palavras-chave foi apresentada pela especialista em comunicação, que trabalha com a Igreja Adventista na região do Pacífico, Joanne Davies. Ela salientou a importância de um trabalho estratégico, com foco, relevante e que seja em total integração. Ao final de sua fala, deu sugestões práticas, inclusive a ideia de se criar comitês ou comissões mundiais para pensar campanhas globais adventistas. Outro profissional, Greg Dunn, chamou a atenção para a necessidade de organizações, inclusive religiosas, precisam saber bem com quem querem falar (público-alvo) e que tenham a consciência de que precisam ser mais ousadas e proativas em sua ação. À tarde, Claude Richli explicou resumidamente no que consiste o branding, ou a gestão de uma marca. Sua ênfase, no entanto, foi no sentido de melhorar a percepção da marca adventista no mundo. Ele mostrou dados sobre qual o grau de influência de algumas marcas de igrejas no planeta e os dados reforçam quão necessário é que o assunto seja tratado globalmente.

Discussões em grupo – Vários momentos estão sendo reservados para discussões em grupo no encontro. Em uma das salas, o diretor associado de comunicação da Igreja Adventista do Sétimo Dia para a América Central, Abel Marquez conduziu uma conversa importante em torno da ideia de se criar uma mentalidade integrada de comunicação adventista inclusive com profissionais e voluntários que não trabalham em sedes administrativas da Igreja. Representantes da África, da Ásia, da América do Sul, América Central e América do Norte apontaram diversas maneiras concretas. Sugeriram, por exemplo, criar um grupo permanente de discussão mundial, identificar e apoiar potenciais colaboradores adventistas que não estão formalmente ligados à organização, entre outras recomendações. Outros grupos debateram sobre gerenciamento de crise, integração entre TV e web, estratégia para alcançar diferentes públicos nas mais diferentes plataformas de comunicação, entre outros temas.

O pastor Jorge Rampogna, recém-nomeado como diretor associado da Rede Novo Tempo de Comunicação, avalia que o encontro é um momento histórico para a Igreja Adventista porque dá oportunidade de avaliar e projetar planos para evangelismo global através dos meios de comunicação.

O resultado de todas as conversas está se transformando em documentos virtuais armazenados e que servirão para uma futura tomada de uma decisão conjunta sobre pontos comuns até o próximo domingo, 30. A perspectiva é que seja produzido algum tipo de documento com resoluções finais que serão apresentadas no tradicional concílio anual dos líderes adventistas das 13 divisões da igreja adventista que ocorrerá no próximo mês. [Equipe ASN, Felipe Lemos]

 

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox