Notícias Adventistas

Filme produzido pela Igreja Adventista será lançado em abril

O média-metragem será lançado no dia 8, durante a Semana Santa.

6 de novembro de 2016
Roteirista e diretor são convidados para participar do pré-lançamento do filme, O Resgate: Salvação ao Extremo. (Foto: Jefferson Pardello)

Roteirista e diretor executivo são convidados para participar do pré-lançamento do filme, O Resgate: Salvação ao Extremo. (Foto: Jefferson Paradello)

Brasília, DF… [ASN] No dia 8 de abril de 2017 será lançado o filme produzido pela Igreja Adventista, O Resgate: Salvação ao Extremo. O longa-metragem faz parte do programa de evangelismo anual conhecido como Semana Santa. Em 2017, a ideia é que membros adventistas convidem amigos, vizinhos e parentes para assistir a produção em suas casas.

Leia também:

Durante o Concílio anual da sede administrativa da Igreja Adventista (Divisão Sul-americana), mais de 100 líderes assistiram ao trailer oficial e foram incentivados a usarem o filme durante a Semana Santa. O evento tem o objetivo de avaliar e aprovar projetos que serão realizados no ano de 2017. Na promoção, os atores que gravaram o filme foram convidados para falar sobre a experiência de participar da produção adventista.

O filme

As gravações foram feitas no Chile durante cerca de 20 dias. Segundo o produtor do filme, Jefferson Nali, os atores e figurantes trabalharam várias horas diariamente para aproveitarem ao máximo a oportunidade da neve. No entanto, os dias não foram fáceis mediante esta condição climática. “Gravar na neve não é fácil, tanto para os atores quanto para os equipamentos. Precisávamos da neve, mas também sofremos por causa dela”, conta Nali.

Para entender o roteiro, os atores profissionais – que não são membros da denominação – estudaram o livro base para a concepção do filme, A História da Redenção. O ator que interpretou o personagem principal (Adam), Mauricio Pitanga, confessou que a leitura foi muito importante para entender o roteiro e conseguir passar a mensagem de uma maneira mais profunda para o telespectador.

Já para a atriz, Daniela Paschoal, a preparação física também foi muito importante. “Nosso diretor pediu que cuidássemos do corpo e fizéssemos algum treino físico para aguentar os dias de gravação”, complementa. Leonardo Goulart, que representou Jesus, conta que em diversos momentos se emocionou ao compreender a importância de seu personagem. “Isso me tocou profundamente”, confessa.

Outras curiosidades sobre a obra, é que em torno de 25 pessoas fizeram parte da equipe técnica. Além de brasileiros, argentinos e chilenos também trabalharam em parceira com a produtora responsável pelo projeto, a Seven Filmes.

Veja entrevista com diretor executivo e um dos atores, o Maurício Pitanga:

Intencionalidade

Segundo o líder de comunicação da Igreja Adventista para toda América do Sul, Rafael Rossi, “a comunicação é uma forma muito eficaz para transmitir mensagens importantes. Por exemplo, recursos audiovisuais podem ajudar a entender melhor a mensagem comunicada.” Para ele, este filme é uma oportunidade de alcançar novos públicos e de usar os recursos dados por Deus.

Por esse motivo, o filme será traduzido para seis idiomas com distribuição mundial por meio da Associação Geral da Igreja Adventista. [Equipe ASN, Jhenifer Costa]

Assista ao trailer:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox