Notícias Adventistas

Documentário sobre adventismo no Brasil é filmado em SC

Grupo de atores tem profissionais e voluntários.Brusque, SC… [ASN] O território da Associação Catarinense (AC) está recebendo uma equipe da União Sul Brasileira. O objetivo é filmar um documentário sobre a chegada da mensagem adventista no Brasil, na região de Brusque e Guabiruba. Ambientado no final do século XIX, o documentário mistura encenações com narrativas da história que relata como a mão de Deus guiou tudo. Ao todo, serão cerca de 100 pessoas presentes nos sets de filmagem. Entre as locações está o Armazém Hort e a casa do casal Helmuth e Paula Fuckner (a tia Paula), conhecidos pioneiros da região.
O vídeo abordará desde a motivação da fuga do jovem Borchardt para a Alemanha, e que encontra missionários no navio, até os primeiros batismos na vila de Brusque, período entre 1878 a 1906. Entre as cenas em produção estão como os folhetos vindos da Alemanha foram distribuídos na região, através do armazém de Davi Hort, os profundos estudos bíblicos que Guilherme Belz realizou devido aos mesmos folhetos e as primeiras reuniões em pequeno grupo dos pioneiros.

A direção da produção é da jornalista Fabiana Bertotti, que também roteirizou o documentário, já o diretor de fotografia é o produtor Joseias Moura e a parte executiva é de Márcio Tonetti. Vale ressaltar também o grupo de atores, mesclados por profissionais e voluntários, que foram amplamente preparados pelo diretor de elenco Isielson Miranda, vindo de São Paulo. Além disso, ainda compõe uma equipe profissional de iluminação e servidores de alguns escritórios da União Sul Brasileira, entre eles, funcionários da Associação Catarinense.

No set de filmagem onde Guilherme Belz compara o folheto vindo da alemã e a sua Bíblia, Fabiana Bertotti comentou o porquê dessa produção: “Hoje tudo é mais fácil, entretanto a gente não faz metade do que eles fizeram para dar testemunho da verdade. Além de aceitar o sábado, eles tiveram que ser abandonados pela comunidade. Foi através desses homens de fé que Deus agiu”.

O documentário terá como título “Homens de Fé” e testemunhará a vida de 22 pessoas dessa história. “Eles tiveram acima de tudo fé para defenderem a verdade que tinham acabado de descobrir”, ressalta Fabiana.

“Homens de Fé” vem sendo produzido há cinco anos, mas teve maior atenção nos últimos cinco meses e a previsão é de ser concluído ainda neste semestre.

Fabiana Bertotti conclui que “se hoje temos uma fé, uma igreja para frequentar, isso se deve a Deus claro, mas também ao sacrifício desses pioneiros. O mínimo que podemos fazer é manter viva essa história”.

Imprensa: A TV Brusque (principal canal televisivo local) e o jornal Município Dia a Dia (10 mil exemplares por dia) estiveram cobrindo as filmagens na segunda e na terça-feira. [Equipe ASN – Daniel Gonçalves]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox