Notícias Adventistas

Ministério da Mulher realiza congresso reunindo 500 mulheres

Com o tema Simplesmente Ame, o evento abordou principalmente o amor próprio

 

Ji-Paraná, RO … [ASN] Cleusa Tolotti, 51 anos, casada, trabalha como radialista e tem uma filha especial. E hoje em dia esse excesso de carga é muito comum, milhares de mulheres trabalham, cuidam da casa e de seus filhos. Cleusa faz tudo isso e ainda encontra tempo para evangelizar na sua cidade em Alta Floresta. E neste mês passado, em setembro Cleusa e as meninas do Ministério da Mulher organizaram uma tenda de evangelismo para a comunidade, com o tema Para ser Feliz, o orador foi Tiago Paixão, durante a semana 50 a 60 pessoas compareceram ao evangelismo e 12 pessoas foram batizadas.

Considerando em desenvolver e cuidar da parte emocional e espiritual das mulheres o Ministério da Mulher promoveu o Congresso Simplesmente Ame, cerca de 500 mulheres participaram do evento que aconteceu neste sábado,4 de novembro no espaço Partenom em Ji-Paraná. Cleusa também compareceu ao congresso, e agradece por ter a oportunidade de ir eventos como este. “As muitas dúvidas que eu tinha, eu compreendi e aprendi muitas delas. Aprendi que devo me amar mais para poder amar os outros, que eu posso mudar, mas que isso leva tempo, entre outras coisas. Foi uma das melhores palestras que eu já assisti, creio que não falo só por mim quando digo que a palestra prendeu minha atenção, não foi nada maçante, foi dinâmica e engraçada. Uma mulher usada por Deus”.

Dilene Ebinger falando para as mulheres amar a sí mesma antes de amar o próximo

A palestrante principal foi a terapeuta e Master Coach, Dilene Ebinger abordando temas como o bem-estar físico, espiritual e emocional da mulher, com o foco no amar ao próximo como a ti mesmo. “As mulheres que pensam que tem um conceito muito negativa de sí mesma não conseguem amar o outro, pois não acham que são merecedoras do amor. Se você acha que não é capaz de amar o outro, um conceito positivo de si mesma faz você acreditar que não merece o amor”.

A líder do Ministério da Mulher no sul de Rondônia, Yessely Salomon, ressalta a importância de fazer treinamentos para as mulheres adventistas e não adventistas. “Nós queremos motivar as mulheres a estarem firmes no trabalho e nas atividades desse ministério. O objetivo é mostrar o quanto elas são importantes para Deus e como o trabalho delas na igreja é fundamental”, explica.

“Para ajudar exteriormente, precisamos primeiro estar bem interiormente, nossas emoções influenciam em todas as coisas do nosso dia a dia, devemos querer uma mudança no comportamento e nas emoções para lidar com os outros. Nem sempre é fácil, mas mudar aquilo que desejamos é divino. Por isso, coloque Deus em primeiro lugar e com certeza as mudanças serão acrescentadas”, comenta a terapeuta.

Para Marineusa (primeira a esquerda) Foi a melhor palestra que teve na vida

Para a cabeleireira Marineusa Cardoso, 50 anos, não adventista foi um evento totalmente diferente, nunca havia participado de algo assim “presente de Deus cura da alma, aprendizado que vou guardar para minha vida. Descobri que posso viver livre de mágoas, e que perdão é uma questão de decisão, decidi ser feliz e fazer mais para o Reino de Deus”, assegura a cabeleireira. [Equipe ASN, Quelen Priscila].

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox