Notícias Adventistas

Internet viabiliza estudo bíblico e influencia decisão pelo batismo

Esposa orou intercessoriamente por auxiliar contábil durante 17 anos

A esposa e os membros da igreja frequentada por Agnaldo ficaram surpresos com a decisão. Internet foi utilizada como ferramenta evangelística

Luís Eduardo Magalhães, BA… [ASN] Um contato com um instrutor bíblico voluntário, a transmissão de um evento via internet e 17 anos de oração intercessora resultaram no batismo do auxiliar contábil Agnaldo da Silva Vieira, que ocorreu no dia 20 de julho deste ano na cidade de Luís Eduardo Magalhães, na Bahia. O desejo de integrar oficialmente a Igreja Adventista, porém, já existia há algum tempo, mas faltava uma data especial para concretizá-lo.

Desde que Agnaldo conheceu sua esposa, Alkivone, ela sempre orou para que ele se decidisse pelo batismo. Apresar de ir às reuniões adventistas regularmente, o auxiliar se desviada do assunto com frequência. “Sempre que faziam pedidos, às vezes eu ia à frente, outras não, pois achava que ainda não seria o momento certo”, relembra.
Quando sentiu que deveria dar um passo em frente, pediu a Deus que o ajudasse a tomar tal decisão, principalmente porque sua esposa já orava por ele há quase duas décadas. Mas ele queria que a cerimônia ocorresse em uma ocasião especial que definitivamente marcasse sua vida.

Em uma ocasião, ao chegar ao templo que frequentava, Agnaldo soube que o pastor Luís Gonçalves, que apresenta o programa Arena do Futuro, na TV Novo Tempo, participaria de um evento especial em sua cidade. “Orei a Deus para que o dia do meu batismo fosse naquela ocasião, e então tive a ideia de entrar em contato com a produção”, compartilha. Quem respondeu seu e-mail foi o instrutor bíblico voluntário Roberto Roberti, que esclarece dúvidas de interessados e também realiza estudos bíblicos online.

Agnaldo perguntou sobre a possibilidade de ser batizado naquela data, mas ainda não estava decidido. Roberto então informou que o pastor Luís estava fora do País, mas que havia a possibilidade de acompanhar o programa em que ele estava, via internet. “Quando acessei o site e assisti a mensagem, tomei a decisão de ser batizado”, explica. Após o retorno positivo por parte do pastor Luís Gonçalves, Roberto notificou o auxiliar contábil de que seu batismo poderia ocorrer naquele dia. No entanto, ele queria que aquilo fosse uma surpresa para todos, principalmente para sua esposa. Por isso, não avisou ninguém. Os estudos bíblicos foram realizados online para que pessoas de sua convivência não soubessem.

Na data do evento, 20 de julho, após alguns batismos, o pastor Luís Gonçalves fez um apelo para aqueles que gostariam de um dia declarar publicamente seu desejo de seguir a Cristo. Ao se manifestar, Agnaldo subiu ao palco e, após um pedido de sua esposa, disse que aceitava ser batizado. “Só que ela não imaginava que isso fosse acontecer naquela hora. O pastor pediu para que ela me levasse ao tanque de batismo. Quando a gente deixa Jesus agir em nossas vidas, Ele nos transforma de tal forma que as pessoas ficam sem ter o dizer”, refere-se ele à maneira como a esposa reagiu.

Hoje, menos de um mês após ser batizado, Agnaldo vê a importância da internet para que aqueles que não teriam outro modo de conhecer os ensinamentos bíblicos tenham acesso a eles. “Às vezes, há mais pessoas assistindo um conteúdo na internet do que na própria igreja local. E elas também têm a oportunidade de entrar em contato com os materiais que são produzidos pela Igreja”, exemplifica. [Equipe ASN, Jefferson Paradello]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox