Notícias Adventistas

Igreja de Santa Catarina realiza cultos durante 40 madrugadas

Comunhão motivou contato com 600 pessoas que pediram estudos bíblicos para a Novo Tempo.

Após 40 madrugadas, 50 duplas missionárias darão início à evangelização de interessados.

Após 40 madrugadas, 50 duplas missionárias darão início à evangelização de interessados.

Joinville, SC… [ASN] Os adventistas da Igreja Central de Joinville, no Norte de Santa Catarina, passam por uma experiência de reavivamento e reforma da vida espiritual que começou com reuniões durante 40 madrugadas. Nesse período, que teve início no dia 1º de setembro, cerca de 300 fiéis participaram todos os dias dos cultos realizados às 5h30.

A quantidade de pessoas que compareceu aos cultos impressionou Ieda Martinez Milbratz. “A primeira madrugada já foi uma grande bênção, mas pensei ‘amanhã (segunda-feira) com certeza haverá menos da metade de participantes’. Porém, me surpreendi. Estavam todos lá e isso me deu muita força pra continuar, pois imaginei que, quando unidos buscamos poder, podemos ser muito mais fortes. Minha vida espiritual fortaleceu e me sinto renovada a cada dia”, afirma.

A mudança na rotina foi benéfica para Leandro Hoffmann. “Comecei a dormir cedo para poder acordar cedo. Isso me fez muito bem, pois não tenho mais o cansaço que sentia na vista e me sinto mais disposto”, conta o analista de segurança. Além da parte física, o jovem relata como melhorou a vida espiritual, o principal objetivo: “a constância da oração é maior, se tornou uma conversa com Deus. Aprendi diversos temas durante os 40 dias e fiz amizades também. A união se tornou mais evidente nas confraternizações após o culto. Foi maravilhoso”.

Os cultos tinham momentos de louvor, leitura de uma passagem bíblica proposta para aquele dia específico, reflexão sobre o texto, momento de oração individual e silenciosa, e a mensagem do dia compartilhada por um líder local ou um pastor das áreas vizinhas.

Segundo o pastor da região, Kuarup Reis, a iniciativa é um estímulo para os membros realizarem o Seminário de Enriquecimento Espiritual, promovido pelo departamento de Mordomia Cristã da Igreja Adventista. Durante as 40 madrugadas, a igreja estudou os quatro módulos do seminário, um a cada dez dias. Os participantes receberam as apostilas para continuar em casa, formando 160 madrugadas de oração.

A partir do envolvimento dos participantes na comunhão diária e no relacionamento entre eles, o passo seguinte foi o engajamento na missão. Para começar o trabalho, a liderança da igreja buscou pessoas da cidade que pediram estudos na Rede Novo Tempo e encontraram cerca de 600 interessados.

“Nós descobrimos, através da Escola Bíblica da Novo Tempo, que existem mais de 300 mil pedidos de estudos bíblicos pelo Brasil, e em Joinville são mais de 600 pessoas interessadas. Eles nos passaram que precisam de muita ajuda das igrejas para atender essas pessoas através de algum projeto bem elaborado”, explica o diretor local do Ministério Pessoal, Edom de Oliveira.

Os dados de todas essas pessoas foram distribuídos para 50 duplas missionárias formadas no grupo que frequentou os cultos da madrugada. O intuito é que os membros telefonem para os interessados a fim marcar uma visita, ter um momento de oração e iniciar o estudo que foi solicitado. As duplas irão identificadas usando uma camiseta com os logotipos da Novo Tempo e da Igreja Adventista, para serem reconhecidos e legitimar o projeto. O encontro servirá para conhecer melhor a pessoa, orar com ela e marcar um novo estudo. Serão oferecidas três maneiras de receber o estudo: com visita pessoal na residência, em um pequeno grupo ou por meio do site da igreja.
“Nossa ideia foi formar duplas e equipes para realizar esse trabalho de forma organizada. Cada um recebeu uma camiseta e um guia de como fazer o contato, materiais de evangelismo e todas as informações dos interessados. A motivação foi grande ao saber que são pessoas que já estão interessadas”, afirma Edom.

Segundo o pastor Kuarup, os contatos dos interessados que moram em bairros de outras igrejas serão repassados aos pastores pelas respectivas regiões para que organizem da melhor maneira o evangelismo junto aos seus membros. De acordo com ele, um dos planos é alugar um local e montar um grupo de estudo dos “Amigos da Novo Tempo” no bairro Glória, onde não há igreja adventista. [Equipe ASN – Gustavo Cidral]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox