Notícias Adventistas

Família muda de vida após leitura do livro A Grande Esperança

A mensagem impressionou toda a família Sampaio.Pelotas, RS… [ASN] Neste último domingo, dia 3 de fevereiro, Aurélia Sampaio, Luiz Carlos Sampaio, André Sampaio e Aline Sampaio decidiram tornar pública a decisão de entregar a vida a Jesus na Igreja Adventista de Monte Bonito, em Pelotas, RS, após leitura do livro “A Grande Esperança”. O primeiro contato com a Igreja Adventista aconteceu ainda em 2012, ano da distribuição do livro missionário em oito países da América do Sul.

A história de transformação começou quando Aurélia, enfermeira de um posto de saúde na cidade de Pelotas, abriu seu armário em seu local de trabalho e encontrou um exemplar do livro “A Grande Esperança”. A capa lhe chamou atenção, pois retratava a volta de Jesus e era isso exatamente que ela e sua família sempre procuravam: uma igreja que pregasse a mensagem verdadeira da volta de Jesus. Por isso, ela tomou a decisão de levar o livro para casa e ler juntamente com sua família.

A mensagem impressionou toda a família Sampaio, e eles tentaram descobrir qual denominação religiosa havia produzido o material, mas não encontraram. Então fizeram uma busca pela internet usando a palavra esperança. O site de busca os levou até o site do canal da esperança, a TV Novo Tempo.  E assim, eles começaram a fazer estudos bíblicos online.

Finalmente a família decidiu que precisam encontrar a Igreja Adventista do Sétimo Dia, e no livro viram que havia um numero de telefone anotado, era o numero de uma mulher que pertence aIgreja Adventista de Monte Belo. Por telefone a família marcou a visita à igreja e o pastor Jair Melo dirigiu a mensagem bíblica na ocasião. Ao voltarem para casa após o culto, o filho exclamou que aquela mensagem só poderia ser a mensagem da igreja verdadeira.

Neste ano, 2013, um novo pastor, Adalmiro Andrade, assumiu a distrito de Santa Terezinha, no qual pertence a Igreja Adventista de Monte Bonito. Ao visitar a família Sampaio e conhecer a história de conversão o pastor fez o apelo, “o que falta para vocês serem batizados?”. E a resposta de Aurélia em nome de sua família veio também em forma de pergunta, “quando será o próximo batismo?”. E mesmo sem ter um batismo programado, as providencias foram tomadas para que no sábado seguinte a família fosse batizada. E alegres afirmaram que estavam esperando este convite a muito tempo. [Equipe ASN, Bianca Lorini]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox