Notícias Adventistas

Evangélicos celebram 150 anos da Igreja Adventista

As comemorações pelos 150 anos da IASD reuniram mais de 3 mil evangélicos em Rio das Ostras.

celebracao-iasd-prisma-palco-multidãoAs comemorações pelos 150 anos da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD) continuam e no último sábado, 14, foi a vez de Rio das Ostras celebrar. No Parque da Cidade mais de 3 mil evangélicos louvaram a Deus ao som do grupo Prisma Brasil, Coral Wagner, Quarteto Pincípios, Dom Maior e Coral Adolejovem. O evento contou com o apoio da prefeitura municipal que disponibilizou não só o local, mas também cadeiras, segurança, aparelhagem de som e ambulâncias.
O organizador do evento, Luciano de Souza, explicou como surgiu a ideia do programa. “Esse projeto nasceu no coração do irmão Pedro Paulo, da IASD de Nova Cidade. Eu já havia agendado com o grupo Prisma, então juntamos os pensamentos e trabalhamos muito. Colocamos cartazes em quase todas as igrejas evangélicas da cidade. Fizemos a divulgação através de rádio, carro de som e 10.000 panfletos.”
O responsável pela região, pastor Cláudio Giron, explicou que “além da celebração, o objetivo também é promover a TV Novo Tempo e apresentar a IASD para a comunidade através da música e da literatura.” Para isso, durante toda a programação, livros, cds, dvds e produtos naturais foram postos à venda. O Ministério da Mulher cuidou da recepção e distribuiu a mais de 500 visitantes o DVD A Grande Esperança.
Um momento marcou a noite de festa. O diretor do Prisma Brasil, Eli Prates, convidou dois voluntários para ganharem o novo cd do grupo. Para isso eles deveriam cantar algumas músicas. Ricardo da Silva e Rosa de Paula aceitaram o desafio e subiram ao palco. Vestida com roupas simples e grandes brincos nas orelhas, Rosa – apesar de ainda jovem – trazia consigo a aparência de quem já lutou muito na vida. Com olhar atento aguardava o tom. A multidão aplaudiu de pé quando ela soltou a voz. Ela então não conteve a emoção e cantou toda a música com lágrimas nos olhos. “Conheço o Prisma desde criança e, durante todos os anos que passei na Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro, cantava suas músicas em quarteto. Há 10 anos estou afastada de Deus e hoje vim aqui para ouvir aqueles que me inspiraram a cantar. Jamais poderia imaginar que um dia eu cantaria com eles”, desabafa Rosa.
Os componentes do grupo estavam sentados quando Ricardo interpretou sua parte na música. Surpresos com o que ouviram, puseram-se todos de pé e o acompanharam em três músicas! Os espectadores irromperam em aplausos de uma forma que ainda não se tinha ouvido naquela noite. “Tenho 44 anos e passei toda a minha vida ouvindo o Prisma. Fui totalmente influenciado por suas músicas. Hoje sou regente do coral da Igreja Batista Nova Jerusalém”, conta Ricardo.
Além da programação musical, o evento contou com a presença do presidente da Associação Rio Fluminense (ARF), Pr. Gustavo Schumann, que contou a história da IASD nesses 150 anos. O líder de jovens da ARF, Pr. Filipe Ribeiro, falou sobre Esperança enquanto três adolescentes eram batizados. Segundo ele “a programação desta noite foi uma benção. Não tem coisa mais bonita, do que ver mais de 3 mil pessoas celebrando emocionadas algo que como igreja pregamos há tantos anos: a Esperança da Volta de Jesus. Me lembrei de um verso que está em 2 Coríntios 3:12 que diz: ‘Portanto, visto que temos tal esperança, mostramos muita confiança’. Que Deus continue nos dando tal confiança, a nós pastores, e a cada membro da IASD”. [Equipe ASN, Artur Buitrago]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox