Notícias Adventistas

Escola de evangelismo em Nova Iorque recebe líderes de todo o mundo

O interessante é que os pastores estudam de manhã, à tarde e, à noite, colocam em prática os ensinamentos. No momento, são 160 campanhas acontecendo de forma simultânea.

As aulas acontecem na Igreja Adventista Luso-Brasileira de Nova Iorque, localizada em Corona, no Queens.

As aulas acontecem na Igreja Adventista Luso-Brasileira de Nova Iorque, localizada em Corona, no Queens.

Nova Iorque, EUA…[ASN] “Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei” (Mat. 28:18-20). A instrução dada por Cristo é a guia que conduz o International Field School of Evangelism (Escola Internacional de Campo Missionário).

Organizado pela Associação Geral dos Adventistas do Sétimo Dia, o evento, que começou no dia 7 e vai até 29 de junho, deve contar com um total de 320 pessoas de diferentes nacionalidades.
As aulas acontecem na Igreja Adventista Luso-Brasileira de Nova Iorque, localizada em Corona, no Queens. Ali, evangelistas e líderes das 13 Divisões da Igreja Adventista ao redor do mundo recebem capacitação teórica e prática.

De acordo com o site oficial do evento (http://is.gd/zKXyTz), o objetivo do encontro é “explorar os princípios bíblicos de evangelismo global no contexto das grandes cidades do mundo e apresentar métodos práticos de alcançar populações em seu contexto cultural único”.
O interessante é que os pastores estudam de manhã, à tarde e, à noite, colocam em prática os ensinamentos. No momento, são 160 campanhas acontecendo de forma simultânea.
Uma delas, realizada entre os dias 11 a 13 e 18 a 20, acontece na hora do almoço, numa loja da Igreja Adventista em Manhattan, na 12 W 40th Street, no centro de Nova Iorque.
No dia 13, cerca de 20 pessoas, entre adventistas e seus colegas de trabalho, compareceram no local, que está a poucos metros das famosas 5th Avenue (quinta avenida) e 7th Avenue (Times Square).
Segundo o coordenador do evento, pastor Robert Costa, até o final do ano serão 600 campanhas, que fazem parte do projeto NY 13 (www.ny13.org). A meta final é que os esforços sejam replicados em outras cidades do planeta Terra.
O ato final da escola de evangelismo será no Nassau Coliseum, com capacidade para mais de 15 mil pessoas. Um grande batismo deve ser realizado.
Alunos ilustres

No local das aulas, na Luso-Brasileira, um dos alunos do curso, o pastor Luís Gonçalves, evangelista na América do Sul, terminou no sábado (15/06) uma semana especial de evangelismo. Denominada A Última Esperança, os cultos tiveram ênfase em assuntos proféticos.
Gonçalves volta a pregar nos EUA de 22 a 29 de junho, na Igreja Adventista de Newark, Nova Jersey.

O pastor Emílio Abdala, criador do site www.missaourbana.net, também participa do International Field School of Evangelism. Ele realiza de 15 a 22 de junho uma semana de oração na Igreja Luso-Brasileira de Westchester, NY.
Outro aluno, muito atento, é o pastor Ted Wilson, presidente mundial da Igreja Adventista do Sétimo Dia, com sede em Silver Spring, Maryland, EUA. Ele desfruta da companhia da esposa Nancy.

Wilson, que durante a semana passada pregou na Igreja de Greenwich, NY, disse que tem enfatizado em suas pregações a “importância e relevância da Bíblia para nossos dias”, “para o homem pós-moderno”.
Outro brasileiro que também faz semana de oração nos EUA em junho é o pastor Marcelo Cardoso. De 15 a 21 na Igreja Portuguesa de Bridgeport, Connecticutt, e de 22 a 28 na Luso-Brasileira de Long Island, NY.

Assista ao vivo – Para acompanhar ao vivo o International Field School of Evangelism ou ver os vídeos do que já aconteceu, acesse: www.schoolofevangelismlive.com. Dias e horários: domingo, terça e quarta, as aulas são de 10h a 12h30 (horário de Brasília: 11h a 13h30); Segunda e quinta, das 10h às 14h (11h às 15h do Brasil).

Conselho Inspirado – O texto é um dos lemas do evento: “O trabalho evangelístico, abrindo as escrituras a outros, advertindo homens e mulheres do que virá ao mundo, deve ocupar mais e mais o tempo dos servos de Deus” (Review and Herald, Aug. 2, 1906). [Equipe ASN, colaboração de Márcio Basso Gomes]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox