Notícias Adventistas

Encontro financeiro capacita servidores da União Sudeste

IMG_5793Com um ano e sete meses trabalhando na obra, Guilherme Souza olhava tudo atentamente. O encontro é uma novidade para o jovem recém-formado que estudou no Ipae e hoje atua como contador em Minas Gerais. “Sempre quis trabalhar na Obra, desde quando era estudante. Estar aqui e aprender mais para servir melhor, é um sonho realizado”, enfatiza.

Ele e outros 160 colegas que trabalham nas associações e instituições da Igreja Adventista em Minas, Rio e Espírito Santo participaram do Encontro de finanças, RH e informática em Caeté, próximo a Belo Horizonte. O Tema foi Contando os Dias para a Eternidade. Um dos palestrantes, o diretor financeiro da Divisão Sul-Americana, pastor Marlon Lopes, reforçou a necessidade de se preparar e estar atento às oportunidades de crescimento. “Somos os braços de Deus e ao entendermos isto, compreendemos também que Deus não quer robôs ou gente morta. Se não temos disposição pelo impossível, por alargar as fronteiras e fazer além do previsto pela causa de Deus, então para quê nossa posição de liderança?”, questiona Lopes.

IMG_5931Além dos treinamentos técnicos para cada área representada no encontro, os três dias de evento foram um reavivamento espiritual com mensagens do pastor Gilson Brito e do pastor Maurício Lima, presidente da União Sudeste Brasileira. Ele apresentou o projeto missionário de 2014 e chamou os obreiros da área financeira para um compromisso com a distribuição do livro missionário A Única Esperança, do pastor Alejandro Bullón.

Coordenador do programa e responsável pela área financeira da União Sudeste, o pastor Volnei Porto chamou a atenção para o primeiro alvo da igreja: mostrar Cristo para as pessoas todos os dias e em todos os momentos. “Temos dois objetivos com este treinamento, levar os obreiros para mais perto de Cristo e capacitá-los profissionalmente para oferecer um trabalho melhor em seu setor, pois precisamos de gestão eficiente e eficaz para avançar e crescer na Causa de Deus”.

Juntar pessoas de Associações e Estados diferentes é uma maneira saudável de intercâmbio e amizade. Lucas Rodrigues, que é tesoureiro assistente educacional, participa pela terceira vez deste encontro e deposita nisto o ponto alto da reunião. “Trocar experiência com os colegas nos faz voltar para o campo mais animado e com mais força de vontade”, admite.

IMG_5519O crescimento financeiro da Igreja é um reflexo da fidelidade dos membros que confiam na instituição organizada para ver os avanços missionários, mas a prosperidade, de um e de outro, também pode ser um perigo. “O conforto nos enfraquece e quando a pessoa ou a igreja tem muito dinheiro, tem-se também a tentação de pensar que os problemas se resolvem com este recurso, o que não é verdade. Dinheiro é teste de fidelidade, pois quem faz todas as coisas é Deus”, resume o pastor Lopes.

 

fotos: Leônidas Guedes

 

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox