Notícias Adventistas

Congresso reúne 350 mulheres no fim de semana

Evento discutiu a influência da mulher cristã na sociedade atual.

As 350 mulheres assistiram palestras sobre sexualidade e mosdétia cristã.

As 350 mulheres assistiram palestras sobre sexualidade e modéstia cristã.

Mãe, dona de casa, profissional, esposa e mulher. Estas incumbências foram aperfeiçoadas no Congresso do Ministério da Mulher (MM) no Hotel Tauá, em Araxá, Minas Gerais, entre os dias 4 e 6 de outubro.

No evento as 350 mulheres assistiram palestras sobre sexualidade, modéstia no vestuário, comunicação na família e reflexões bíblicas. Além das orientações, elas puderam usufruir de serviços do Hotel, como banhos relaxantes, piscina aquecida e massagens.

Estiveram presentes a cantora Fernanda Lara, a sexóloga Patrícia Valle, a conselheira organizacional Wélida Dancini, a conselheira cristã Maiza Ribeiro e o pastor e presidente da Associação Mineira Sul (AMS), Itamar Lelis, que abordou a influência da mulher na sociedade.

A responsável pelo MM no Sudeste do país Sara Lima explica o porquê destes encontros. “Nos congressos, muitas mulheres levam bagagens pesadas e são neles que elas encontram um alívio, uma forma de fortalecer a sua fé. Usadas pelo Espírito Santo, podem ser instrumentos na vida de outras pessoas.”

Segundo a responsável pelo MM no Sul de Minas, Débora Rodrigues, este ano o evento foi baseado no tema “Ser diferença para fazer diferença.” “O assunto foi escolhido para mostrar às mulheres a importância de fazer a diferença por onde passa. É a questão do perfume. Cada mulher tem um perfume, um cheiro diferente. Sendo diferentes, por meio da comunhão com Deus, elas poderão borrifar um perfume agradável aos outros”, explica a organizadora do evento.

E este assunto agradou a fonoaudióloga Carmem de Paula, de Eugenópolis, Minas Gerais. “Eu me senti muito tocada, achei tudo tão lindo, estava me sentindo no céu. Tenho passado por uma situação delicada, perdi uma sobrinha, e o tema do congresso mexeu muito comigo. Eu não sou adventista ainda, mas Deus sabe o tempo certo”, emociona-se Carmem, que participou pela terceira vez da programação e pretende participar nos próximos anos.

No sábado, 8, mulheres distribuíram o DVD "O Grande Conflito" e panfletos divulgando o canal da TV Novo Tempo em Araxá, Minas Gerais.

No sábado, 8, mulheres distribuíram o DVD “O Grande Conflito” e panfletos divulgando o canal da TV Novo Tempo em Araxá, Minas Gerais.

Ao final do evento, na manhã de domingo, 6, as mulheres foram ao lado de fora do salão do Hotel, onde estavam reunidas, e percorreram um caminho, guiadas por mulheres com roupas brancas e coroas, representando anjos. No percurso passavam dentro de tendas. Numa delas havia objetos que, segundo a organizadora, as afastavam de Deus. Em outra, a Bíblia estava amassada com teia de aranha, indicando descaso com Deus e a última tinha o cheiro de perfume doce, refrescante, com cortinas brancas e uma música ao fundo. Nesta, as mulheres recebiam um óleo por uma mulher vestida de anjo.

Quando terminaram o trajeto, em oração, elas derramaram o óleo nos pés e em várias partes do corpo, representando a purificação e restauração de um corpo corruptível, antes de entrarem no jardim, simulando o “céu”, como acreditam os membros da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD).

Logo após a oração, as mulheres eram convidadas a entrar no jardim preparado, todas receberam vestes brancas e uma coroa. Na celebração houve participações musicais, entre elas Fernanda Lara, reflexão bíblica e uma mesa repleta de frutas. Ao final, mulheres se abraçaram, choraram e se despediram, mas com um gostinho de quero mais. “Eu achei maravilhoso. Cada ano está melhor que o outro. Quero voltar”, diz Silvana Aparecida Moreira de Muriaé, Minas Gerais. [Equipe ASN, Vanessa Lemes]          

Veja mais fotos em nossa página. https://www.facebook.com/media/set/?set=a.521244831284282.1073741826.130144107061025&type=3&uploaded=83

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox