Notícias Adventistas

Congresso de Discipulado apresenta nova visão para líderes

O evento aconteceu no Colégio Adventista de Ji-Paraná para os líderes das Igrejas, dentre eles anciãos, líderes de Pequenos Grupos, jovens, Escola Sabatina e Ministério Pessoal.

Evento foi realizado para alinhar as etapas evangelísticas com a visão bíblica do verdadeiro discipulado.

Evento foi realizado para alinhar as etapas evangelísticas com a visão bíblica do verdadeiro discipulado.

Ji-Paraná, RO… [ASN] Mais de 550 líderes de todo o Sul de Rondônia compareceram ao Congresso de Discipulado que aconteceu em Ji-Paraná, no dia 8 de junho, para alinhar as etapas evangelísticas com a visão bíblica do verdadeiro discipulado. O Congresso aconteceu no Colégio Adventista de Ji-Paraná para todos os líderes de todas as áreas da Igreja, dentre eles anciãos, líderes de Pequenos Grupos, jovens, Escola Sabatina e Ministério Pessoal.

O convidado foi o Dr. Adolfo Suáres, teólogo e pedagogo da Universidade Adventista de São Paulo (UNASP II), que de forma bem simples e pedagógica mostrou que o membro que não faz discípulos não é um verdadeiro cristão. De acordo com o professor e pastor Adolfo “o verdadeiro cristão incorpora em sua vida os princípios, os ensinamentos e a vida de Jesus e a partir disso ensina aos outros, de modo que quando somos impactados impactamos outras pessoas. Uma igreja sem discípulos é uma sem Cristo”.

Jefferson da Silva é morador da cidade de Vilhena, recém-batizado, mas já entendeu que a mensagem que ele recebeu deve ser compartilhada para outras pessoas, por isso veio ao congresso junto com o professor de Bíblia que o ajudou a conhecer melhor Jesus. “Eu recebi os ensinamentos da Palavra de Deus através de um amigo, e descobri através da Bíblia coisas lindas. Senti o desejo de ajudar outras pessoas a também conhecerem a Cristo, por isso eu decidi vir ao congresso para aprender a como ensinar aquilo que aprendi”, comentou Jefferson.

Ganhar, consolidar, discipular e enviar são os quatro passos que se tornaram meta na região sul de Rondônia. Não apenas batizar pessoas, mas solidificar os cristãos para que sejam produtivos. [Equipe ASN – Ivo Mazzo]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox