Notícias Adventistas

Wellington Barbosa

Wellington Barbosa

Papo de líder

Conceitos de liderança sob uma perspectiva cristã.

O segredo fora de campo

Uma parte importante da vitória profissional se encontra fora das quatro linhas do campo de trabalho. Foto: Shutterstock

Estamos a menos de um ano da Copa do Mundo de 2018 na Rússia e a seleção brasileira de futebol carrega sobre seus ombros o desafio de reverter os efeitos catastróficos do resultado do último mundial. Para muitos brasileiros apaixonados pelo esporte, o gosto amargo do “Mineiraço” ainda não saiu da boca.
A fim de tentar levar o time ao resultado tão almejado, o hexacampeonato, a equipe nacional tem como técnico Adenor Leonardo Bachi, o Tite. Gaúcho de Caxias do Sul, seu histórico como treinador é digno de respeito. Em sua lista de conquistas estão os campeonatos Paulista e Brasileiro, a Copa do Brasil, a Recopa Sul-Americana, a Libertadores da América e o Mundial Interclubes. Poucos profissionais do futebol tiveram o privilégio de vencer essa variedade de competições importantes.
Contudo, engana-se quem acha que o segredo de Tite está em sua experiência como jogador ou sensibilidade tática fora do comum. De fato, o segredo do técnico se encontra em sua disposição de continuar estudando. Mais do que ser um “boleiro”, ele é extremamente dedicado ao desenvolvimento profissional. Formado em Educação Física, Tite fez cursos no exterior, é atento às novas tendências do futebol e investe pesado na leitura de bons livros sobre esportes, liderança e crescimento pessoal.

Certa frase popular afirma que “o único lugar em que o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário”. Em realidade, nenhum líder consegue alcançar êxito em seus esforços sem antes trabalhar duro e investir no aperfeiçoamento pessoal. Especialmente nestes dias, em que se experimenta com maior intensidade o fato de que “a mudança é a única constante da vida”.
Pensando em sua vitória profissional, quero compartilhar algumas dicas práticas a fim de ajudar você a começar ou aperfeiçoar seu programa de estudos.

Tempo. O tempo para o crescimento intelectual deve ser parte de sua agenda diária. Se você não concluiu uma faculdade, faça o quanto antes! Se já é formado, deve separar regularmente durante a semana cerca de 10 horas para o estudo sistemático (sugestão: duas horas por dia, de segunda a quinta-feira, e duas horas aos domingos). Talvez alguém neste momento esteja pensando: “Como posso fazer isso?” A resposta se encontra em uma palavra: disciplina. Se você não estiver disposto a ter a disciplina necessária para continuar aprendendo, correrá o risco de ficar estagnado profissionalmente.

Conteúdo. Você pode definir o conteúdo de algumas formas: explorar um assunto por vez, manter a variedade temática ao longo da semana ou ingressar em um programa formal de estudo, como especialização, mestrado e até mesmo o doutorado profissional, recentemente instituído no Brasil pelo Ministério da Educação. Enquanto um programa de pós-graduação stricto sensu acadêmico tem seu foco ajustado para o ambiente universitário e de pesquisa, o stricto sensu profissional está voltado às demandas do cotidiano das organizações, visando ao aperfeiçoamento de colaboradores no mercado de trabalho.

Técnica de aprendizagem. Cada pessoa tem uma técnica de aprendizagem preferida. Por exemplo, algumas gostam de sublinhar o material, outras não conseguem fixar o conteúdo sem fazer anotações. Existem aquelas que se dão muito bem com os mapas mentais, e ainda há as que aprendem por meio de discussões orientadas (brainstorming). Se você ainda não sabe qual é o método mais eficaz para você, procure identificá-lo por meio de testes confiáveis.

Informação. Mantenha-se informado acerca das mais importantes e recentes publicações de sua área de interesse. Acompanhe as redes sociais das editoras, assine periódicos específicos de sua formação, visite bibliotecas e livrarias, pesquise as ementas das melhores faculdades em sua área e acesse bons sites de discussão profissional.

Produção. Tenha o propósito de produzir materiais como resultado de seus estudos. Eles certamente ajudarão você a fixar conteúdos e desenvolver sua capacidade analítica. Além disso, podem servir para o aperfeiçoamento de sua equipe de trabalho, resolução de problemas de seu cotidiano ou inspiração de pessoas que podem ler seu texto na mídia impressa ou virtual.

Max Gehringer foi muito contundente ao afirmar: “Estudar é vital para quem quer ter uma carreira sólida e ascendente. Não apenas com um curso superior, mas também com cursos complementares de especialização. Se há um investimento que irá dar retorno na vida profissional, é o da formação acadêmica.” Portanto, lembre-se de que uma parte importante da vitória profissional se encontra fora das quatro linhas do campo de trabalho.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox