Notícias Adventistas

Herbert Boger

Herbert Boger

Primeiro Deus

Histórias e provas de fidelidade a Deus em todos os momentos e circunstâncias da vida.

Um pôr do sol na Janela 10/40

Em 2015, 25 famílias deixaram tudo rumo ao desconhecido. Toda a vida foi resumida em duas malas, um passaporte e as passagens. Embora tenham todo o suporte e investimento oficiais da Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Sul, estão a milhares de quilômetros distantes dos pais, demais familiares, amigos, daqueles que falam o mesmo idioma, e mais ainda, dos que conhecem a Jesus.

Imagino que você tenha ouvido falar sobre estes missionários, mas tenho um convite especial. A cada sexta-feira nós queremos que você se sinta mais perto deles, conhecendo os milagres vividos dia após dia nesta região que é a mais desafiadora para o cristianismo, a chamada Janela 10/40. Conheça mais sobre o coração da Janela 10/40  Você vai se apaixonar pela missão!

Alguns temas:

A ORAÇÃO DE UMA MUÇULMANA

ATRÁS DO VÉU

TEMPESTADE DE AREIA

O SONHO

BARREIRAS DERRUBADAS

A ORAÇÃO DO XAMANISTA

MILAGRES NO FIM DO MUNDO

UMA BÍBLIA EM ÁRABE

LIÇÕES DO RAMADÃ

É nesta parte do planeta onde estão dois terços da população mundial, mas apenas 1% são cristãos. Uma região com grande percentual de habitantes (84%) vítimas da pobreza, entre elas, as crianças, 40% do total. De maioria muçulmana, hindu e budista, bilhões de pessoas nunca nem ouviram falar sobre Jesus.

“Mostrar um espírito liberal, abnegado para com o êxito das missões estrangeiras, é um meio seguro de fazer avançar a obra missionária na pátria; pois a prosperidade da obra nacional depende grandemente, abaixo de Deus, da influência reflexa da obra evangélica feita nos países afastados.

É trabalhando para prover às necessidades de outros que pomos nossa alma em contato com a Fonte de todo poder”. — (Ellen G. White, Conselho sobre Escola Sabatina, página 136)

Para a segurança desses missionários, não podemos dizer seus nomes e nem os países onde estão atuando. Identificamos apenas as regiões do Brasil que eles representam. Há locais onde por lei é proibido pregar o cristianismo e há lugares mais perigosos ainda; onde ser identificado como cristão significa prisão e até morte. São barreiras legais e outras criadas pela própria população, ocasionadas pelo preconceito e pelo extremismo religioso.

Morar e pregar nesses países é andar sobre um campo minado diariamente, atento a tudo e a todos. Imaginem a contradição: as pessoas precisam conhecer a Jesus por meio da vida desses missionários, mas eles não podem ser o reflexo de Jesus, pelo menos não de maneira aberta! Sua visão sobre testemunho pode mudar com essa leitura.

No culto de pôr do sol, ao começar cada sábado com sua família e amigos, lembre-se desses destemidos mensageiros que estão passando por provas diariamente para falar sobre Jesus e Sua breve volta.

“É Seu desígnio que, em todo lar, toda igreja e em todos os centros da obra, se manifeste um espírito de liberalidade no enviar auxílio aos campos estrangeiros, onde os obreiros estão lutando contra grandes desvantagens para comunicar a luz da verdade aos que se acham assentados em trevas.

Aquilo que é dado para iniciar a obra num campo, redunda em avigoramento da mesma em outros lugares”. (Ellen G. White, Conselho sobre Escola Sabatina, página 136)

Mateus 24:14 é o texto que dá base a este desafio, e cremos que com o poder de Deus em breve todo o mundo saberá do evangelho, e logo poderemos nos encontrar no céu. Ore pelos Missionários para o Mundo a cada pôr do sol de sexta-feira. E lembre-se: “SUA FIDELIDADE E ORAÇÃO OS MANTÉM LÁ”

*Aplicativo (português e espanhol)

Android https://play.google.com/store/apps/details?id=org.adventistas.pordosol

iOS Portugues https://itunes.apple.com/br/app/por-do-sol/id829105255?mt=8

iOS Espanhol https://itunes.apple.com/es/app/id829105255?mt=8

Ou retire com um pastor adventista.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox