Notícias Adventistas

Herbert Boger

Herbert Boger

Primeiro Deus

Histórias e provas de fidelidade a Deus em todos os momentos e circunstâncias da vida.

Terapia da gratidão

As pessoas que encontram motivos diários para agradecer têm melhor qualidade de vida. A gratidão fazia parte da vida do apóstolo Paulo, por exemplo. “Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco” (1 Tessalonicenses 5:18). Este texto não está dizendo para darmos graças pelas tragédias e sofrimentos que enfrentamos, mas sim para não deixarmos de ser gratos mesmo em meio a elas.

Bana Alabed é uma garotinha de sete anos que vive em Aleppo. Ela ficou famosa no mundo todo no final do ano passado, após mostrar sua rotina durante a guerra na Síria pelo Twitter. A menina desejava coisas simples: ter seu quintal de volta para brincar, seus amigos que haviam morrido, paz e o fim da guerra. Sua lista nos lembra de que devemos agradecer pelas coisas simples.

Mesmo que percamos tudo o que valorizamos na vida, a boa noticia é que “nada nos separará do amor de Deus” (Romanos 8:38-39). Por isso, Ellen G. White registrou: “As bênçãos diárias que recebemos das mãos de Deus, e acima de tudo, a morte de Jesus para trazer a felicidade e o Céu ao nosso alcance, devem ser objeto de gratidão constante” (A Maravilhosa Graça de Deus, pág. 356).

O salmista Davi tinha gratidão constante em seu coração: “Cantarei ao Senhor, porquanto me tem feito muito bem” (Salmos 13:6).

Não desperdicemos as oportunidades de sermos gratos. Só podemos fazer isso em vida. “Por que os mortos recebem mais flores que os vivos? Porque o remorso é mais forte que a gratidão”, registrou em seu diário a adolescente Anne Frank, que morreu em campo de concentração nazista. Com a terapia da gratidão podemos vencer o remorso.

“Jesus conhece as necessidades de cada uma de Suas criaturas, e lê a dor oculta, recalcada de cada coração. Se um dos pequeninos por quem Ele morreu é ofendido, Ele o vê, e chama a contas o ofensor. Jesus é o Bom Pastor. Cuida de Suas ovelhas fracas, enfermas e desgarradas. Conhece-as todas pelo nome. Toca-Lhe o coração cheio de compassivo amor e aflição de toda ovelha e todo cordeiro de Seu rebanho, e chega-Lhe ao ouvido o brado de socorro” (Exaltai-O, pág. 248).

Veja o exemplo de Nick Vujicic, que nasceu sem os braços e as pernas. Ele teria muitos motivos para viver frustrado e infeliz, mas aprendeu a adaptar-se e buscar ser feliz. No site Psicólogo Online encontramos o artigo “Os 7 Benefícios da Gratidão”. Abaixo apresentarei somente os tópicos do artigo e adicionarei algumas orientações extraídas dos escritos de Ellen G. White e da Bíblia.

1 – A gratidão abre as portas para novos relacionamentos;

2 – A gratidão melhora a saúde física;

Veja o que Ellen G. White afirma sobre este ponto: Gratidão, regozijo, benignidade, confiança no amor e no cuidado de Deus — eis as maiores salvaguardas da saúde” (A Ciência do Bom Viver, págs. 241e 281).

3 – A gratidão melhora a saúde mental;

Coisa alguma tende mais a promover a saúde do corpo e da alma do que um espírito de gratidão e louvor” (A Ciência do Bom Viver, pág. 251).

4 – A gratidão aumenta a empatia e reduz a agressividade;

5 – Pessoas gratas dormem melhor;

Você tem dificuldades em pegar no sono? O que você costuma fazer ou pensar antes de dormir? Fazer um caderno de anotações ou um diário agradecendo pelo dia melhora o sono, de acordo com um estudo de 2011 publicado na Applied Psychology: health and Well-Being. Dedique pelo menos 15 minutos anotando alguns sentimentos de gratidão antes de dormir e poderá descansar melhor e por mais tempo.

6 – A gratidão melhora a autoestima;

7 – A gratidão aumenta o equilíbrio mental;


Conheça três passos para desenvolver a terapia da gratidão:

 

  • A oração é o primeiro passo para a terapia da gratidão:

“A oração é o meio que conduz nossa gratidão e anseios de alma pela bênção divina ao trono de Deus, para nos serem retribuídos em refrigerantes aguaceiros da graça divina” (Ellen G. White, Carta 52, 187).

  • Uma lista diária com motivos para agradecer é o segundo passo:

Você tem motivos para agradecer a cada dia? “Que darei ao SENHOR por todos os seus benefícios para comigo?” (Salmos 116:12). Responda esta pergunta em seu culto pessoal/familiar diariamente, listando seus motivos de gratidão.

  • E o terceiro passo é realizar uma entrega total, “Tudo de mim em resposta ao tudo de Deus”:

Na igreja, adore a Deus de todo seu coração e desfrute das bênçãos de ter paz com Ele e busque sempre ter um coração grato.

Sugestão de leitura:

Crescendo em Graça: A Resposta do Coração Agradecido – Pastor Alejandro Bullón

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox