Notícias Adventistas

Herbert Boger

Herbert Boger

Primeiro Deus

Histórias e provas de fidelidade a Deus em todos os momentos e circunstâncias da vida.

O menor Réveillon da história!

Eles se atrasaram 24 horas para a entrevista de seleção para o projeto Missionários Para o Mundo (MPM). Os entrevistadores da União do Oriente Médio e Norte da Africa jantavam, quando o casal chega e pede reconsideração para serem ouvidos. Este casal concorria com outros 49 para 25 vagas para ir onde ninguém quer ir. “Temos 15 minutos para vocês”, falou o líder. Ficaram quase 2 horas e hoje eles estão em um dos países mais desafiadores do Oriente Médio.

Quando foram visitados, em 2015, eles estavam em Yerevan, na Arménia, aprendendo o idioma.  A primeira coisa que é possível ser vista do avião é o Monte Ararat, com seus exuberantes 5.137 metros de altitude. Aliás, no dia 01/01/601 ocorreu o menor réveillon do mundo, pois apenas Noé e sua família na face da Terra, (Gênesis 8:13), estavam exatamente neste lugar.

A emoção tomou conta do casal D e D (iniciais de seus nomes) ao receber a visita da equipe ministerial da Divisão Sul-Americana (sede sul-americana adventista). Eles deixaram literalmente tudo em seu país e cidade no território sul-americano. Os pais dela não são adventistas e, o que era uma grande preocupação, mudou com a intercessão. Antes de D e D partirem para o campo missionário, a mãe dela pediu que a filha missionária pudesse ensiná-la a orar e teria de ser na Igreja, pois gostaria de pedir a Deus que cuidasse de sua filha e genro.

Assim como o patriarca Noé, D e D colocaram PRIMEIRO DEUS em suas vidas.

A primeira coisa que Noé fez ao sair da arca foi construir um altar para adorar a Deus. A gratidão tomou conta de seu coração por ter a vida de sua família preservada. “Edificou Noé um altar ao Senhor; e tomou de todo animal limpo e de toda ave limpa, e ofereceu holocaustos sobre o altar”. (Gênesis 8:20)

A escritora norte-americana Ellen White comenta, no livro Patriarcas e Profetas, à página 65: “aqui havia uma lição a todas as gerações que se sucedessem. Noé saíra para uma terra desolada; mas antes de preparar casa para si, construiu um altar a Deus. Seu suprimento de gado era pequeno, e havia sido preservado com grande despesa; contudo, deu alegremente uma parte ao Senhor, em reconhecimento de que tudo era dEle. De modo semelhante, deve ser o nosso primeiro cuidado render nossas ofertas voluntárias a Deus. Toda a manifestação de Sua misericórdia e amor para conosco deve ser gratamente reconhecida, tanto por atos de devoção como por meio de dádivas à Sua causa”.

Na Armênia, onde tudo isso aconteceu, há um fato extremamente relevante para o cristianismo. Na fronteira turca, existe o Monastério Khor Virap, um dos lugares mais visitados e sagrados dos armênios por ter sido ali que São Gregório Iluminador esteve preso durante 13 anos (alimentado pela irmã do rei pagão Trídates III). E, também, onde Gregório viria a se converter ao cristianismo no ano de 301, após uma oração feita pela cura do rei, tornando a Armênia a primeira nação a adotar o cristianismo como religião oficial.

Porém, jamais se imaginaria que a história registraria o genocídio armênio, holocausto armênio ou ainda o massacre dos armênios, como é chamada a matança e deportação forçada de centenas de milhares ou até mais de um milhão de pessoas de origem armênia que viviam no Império Otomano. Isso ocorreu com a intenção de exterminar sua presença cultural, sua vida econômica e seu ambiente familiar, durante o governo dos chamados jovens turcos, de 1915 a 1917.

Esta região do mundo testemunhou cenas trágicas. quando os filhos de Deus o ignoraram. Mas foi ali que Deus recomeçou a história humana com a família que preservou nossa raça por colocar PRIMEIRO DEUS em sua vida.

Nos primeiros dias deste ano, vivemos uma oportunidade de um novo começo colocando PRIMEIRO DEUS em nossa existência também. “Se amarmos a Deus, porque primeiro nos amou, amaremos a todos por quem Cristo morreu”. Ellen White, Beneficência Social, página 82.

Vale citar, também, a seguinte declaração de Dave Kraft, no livro Líderes que permanecem, à página 53: “uma pesquisa do jornal  USA Today  descobriu  que,  se a maioria das pessoas pudessem fazer uma pergunta a Deus ela seria: qual é o meu propósito na vida?

A resposta a esta principal inquietude do ser humano: como posso cumprir melhor o propósito de minha vida? Que seu melhor afeto seja direcionado para Aquele que deu a vida por você. Faça com que Cristo seja o primeiro, o último e o melhor em todas as coisas. Ao se aprofundar e fortalecer seu amor para com Ele, o amor recíproco será purificado e fortalecido”. Ellen White, Mente, Caráter e Personalidade V. 1, página 154.

Bobby Clinton, professor do seminário Fuller, em Pasadena, Califórnia, é um dos principais nomes em matéria de Liderança. Sua obra de referência, The Making of a Leader,  é leitura obrigatória para pessoas de liderança. Clinton chegou à conclusão de que apenas trinta por cento dos líderes terminam bem sua carreira Isso é profundamente inquietante.

Quem termina bem a sua carreira, que tem a sua família preservada e abençoada ainda que não reste nada neste mundo, certamente colocou PRIMEIRO DEUS em cada aspecto da vida. Graças a este menor réveillon da história podemos celebrar hoje com muita alegria e recomeçar cada dia com Deus.

Fica a dica a partir de agora aqui nesta coluna.

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox