Notícias Adventistas

Centenas de “Calebes” estão espalhados pelo Paraná

Calebe 3.0 da ASP começa com testemunhos surpreendentesCuritiba, PR…[ASN] Eles dedicam as férias para ajudar e salvar. São jovens da capital paranaense, litoral e interior que estão abrindo mão de estar com a família e amigos, para aumentar o número de salvos no dia da volta de Jesus. Eles são os “Calebes” da Igreja Adventista da região sul paranaense, que formam um exército de cerca de 600 missionários voluntários. O projeto está apenas começando mas os rapazes e moças já começam a conhecer e compartilhar histórias milagrosas de pessoas que encontraram a resposta para as ansiedades e dúvidas da maneiras mais inusitadas. Estas experiências certamente ficarão marcadas na vida deles para sempre.

Esperança encontrada no lixo – Seu nome: Claúdio Milton da Silva Gomes. 51 anos. No dia 13 de novembro de 2012, ele encontrou no lixo da pensão que vivia um exemplar do livro “A Grande Esperança”, escrito por Ellen White, e amplamente divulgado pelos adventistas naquele ano em várias partes do mundo.
Ele praticamente, “devorou o livro”, e encontrou semelhanças com a mensagem que já ouvira, através da Radio Novo Tempo. Decidiu então procurar a Igreja Adventista mais próxima, onde se sentiu acolhido, recebeu estudos bíblicos, e no dia 12 de janeiro, na abertura do Projeto Calebe no distrito do Alto Boqueirão, foi batizado!

“Um detalhe curioso é que ele escreveu no livro uma gratidão especial à irmã Ellen por ter sido um instrumento de Deus ao mostrar as verdades bíblicas. Ao ser questionando sobre quem seria esta irmã Ellen, ele respondeu: a irmã Ellen White, autora do livro´.´”, conta o pastor Jayme Gandra, líder do Ministério Jovem da ASP e coordenador da Missão Calebe na região.
Ainda de acordo com o pastor, estamos apenas no início do projeto, que se estende até o dia 26 de janeiro, nos distritos do Alto Boqueirão, Vale do Sol, Tatuquara, Maria Antonieta, Planta São Marcos, Lapa, Antonina, Paranaguá, Paranaguá Oeste, Antonina, União da Vitória, São Cristóvão. “Vários destes distritos estão com mais de um ponto de pregação”, explica.
“Este é um projeto revolucionário, pois consegue integrar o potencial da juventude com a estrutura missionária da igreja, em seus diferentes ministérios.. O jovem que passa pelo Calebe, passa a ser um jovem comprometido e renovado pelo Espírito”, conclui o pastor Gandra. [Equipe ASN, Francis Matos]

 

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox