Notícias Adventistas

Adventistas promovem aulas durante férias escolares

Iniciativa aproveita as férias para levar ensino de valores aos pequenos.

Crianças conheceram trabalho da Adra em outros países na Escola Cristã de Férias

Crianças conheceram trabalho da Adra em outros países na Escola Cristã de Férias

Artur Nogueira, SP… [ASN] Funcionários da Igreja Adventista no Estado de São Paulo promoveram a Escola Cristã de Férias entre 15 a 20 de julho em Artur Nogueira, município a 150 km da capital paulista. O projeto beneficiou crianças entre 5 e 12 anos de idade, que, mesmo no período de recesso escolar, foram para a sala de aula aprender a ajudar o próximo. Para isso, foi usado como exemplo personagens bíblicos e o trabalho da ADRA (Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais) realizado em países como Nicarágua e Bangladesh.

Durante os cinco dias de aulas (no sexto dia foi organizada uma formatura), os alunos foram organizados em grupos de acordo com a idade. Para identificação, além da diferença do porte físico, cada criança tinha uma faixa de uma cor específica. Foi assim, como se estivessem divididos em séries escolares, que todos os alunos passaram pelos cinco centros de aprendizagem (bíblico, mundo, amizade, musical, jogos e esportes). No centro bíblico, as crianças aprendiam sobre um personagem bíblico, que ilustrava o trabalho de ajudar outras pessoas. No centro do mundo, era apresentado a cada dia a cultura de Nicarágua, Bangladesh, Quirquistão, Kosovo e Quênia respectivamente.

Participante da Escola Cristã de Férias faz presente para a mãe

Participante da Escola Cristã de Férias faz presente para a mãe

Mudança de comportamento – Já no centro da amizade, os alunos faziam um presente para alguém. Por exemplo,na terça, 16 de julho, as crianças colocaram a mão na tesoura, cola e cartolina para fazer um presente para as mães: um coração com a foto de cada um. “Foi uma emoção muito grande quando ele chegou em casa com aquele presente. Senti muito carinho. Depois que ele começou a participar ele se tornou mais carinhoso”, contou Elisângela Simoso ao se referir ao seu filho Anderson Simoso, de 10 anos.Ela parabenizou a iniciativa por oferecer lazer durante o recesso escolar que não seja na rua. “As crianças daqui só querem saber de brincar na rua, de soltar pipa. A Escola Cristã tirou ele da rua. Eu gostei muito do projeto, das próximas vezes ele participará”, planejou.

Pode parecer estranho, mas ir para a escola no período das férias agradou inclusive os alunos. “Gostei de fazer presente pra minha mãe, de brincar. Gostei de tudo”, resumiu Anderson Simoso.

Sobre a mudança de comportamento, o garoto de 10 anos explica que na Escola Cristã de Férias ele reparou que é bom ser legal com os outros e vice-versa. “Se não fosse a Escola Cristã de Férias eu estaria muito briguento, né mãe?”. Com um aceno de cabeça, Elisângela concordou com a suposição.

A cada dia, um personagem bíblico servia de exemplo na Escola Cristã de Férias

Professora Sônia Rigoli conta a história de Paulo. A cada dia, um personagem bíblico servia de exemplo

Ajuda ao próximo – Para a coordenadora geral do projeto, professora Sônia Rigoli, o objetivo era contribuir com a formação da consciência humanitária dos participantes. “Nós queremos formar cidadãos que se responsabilizem em ajudar o próximo”, afirmou Sônia, que também lidera o trabalho da Igreja Adventista no Estado de São Paulo com crianças e adolescentes.

O líder da ADRA no Estado de São Paulo, Pr. Laércio Mazaro, também apontou a motivação em ajudar ao próximo passada aos alunos como trunfo da Escola Cristã de Férias. “Nós incentivamos essas crianças à ajudarem a amenizar o sofrimento de outras pessoas. Esse é o maior objetivo que temos de colocar no coração dessas crianças. O que elas estão levando de valores daqui será para toda a vida”, pontuou Mazaro.

Certificados foram entregues aos alunos no encerramento da Escola Cristã de Férias

Voluntária entrega certificado aos alunos durante a formatura da Escola Cristã de Férias

Além do incentivo à solidariedade, os participantes da Escola Cristã de Férias tiveram aulas de musicalização (centro de aprendizagem musical) e um momento para o lazer, onde se divertiam com as brincadeiras típicas dos países que eles conheceram.

Após os cinco dias de aulas, os participantes da Escola Cristã de Férias tiveram uma formatura, na qual foi apresentado aos pais um resumo das atividades realizadas durante a semana. Isso incluiu apresentações musicais e de uma encenação da história do bom samaritano registrada na Bíblia. Ao final da cerimônia foi entregue a cada aluno um certificado de participação. [Equipe ASN – Lucas Rocha]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox