Notícias Adventistas

Adolescentes são motivados a fazerem parte de uma nova geração

As palestras foram apresentadas pelo palestrante motivacional de adolescentes, Robinson Amorin.Taquara, RS… [ASR] Cento e oitenta adolescentes participaram do AdoleTchê no Instituto Adventista Cruzeiro do Sul (IACS), esses adolescentes fazem parte das regiões leste e sul do Rio Grande do Sul. Vindos de várias cidades do Estado, essa garotada passou um final de semana especial com Deus e por experiências únicas entre uma galera que dividiu as mesmas transformações características dessa faixa etária. O tema do evento foi “AdoleTchê Id, uma nova geração” com o slogan: “Qual a sua Identidade?”. O objetivo foi reforçar a identidade cristã na vida de cada um dos participantes e promoveu palestras, músicas, perguntas, gincanas e momentos de descontração entre amigos.
As palestras foram apresentadas pelo palestrante motivacional de adolescentes, Robinson Amorin. Ele já trabalha com este grupo desde 2000 e possui um ministério específico para adolescentes. “O tema do AdoleTchê é muito interessante, um tema sobre identidade. Adolescentes vivem num momento de busca de identidade, e infelizmente, mesmo dentre os adolescentes de dentro da igreja, alguns ainda se focam em ídolos do mundo. Por isso, o evento aqui quer justamente apresentar alguns heróis da Bíblia que tiveram suas vidas boas mesmo em meio a momentos de conturbação. E principalmente, apresentar o amigo Jesus, que consegue ser o único modelo perfeito. A ênfase é mostrar Jesus a esses meninos e apresentar experiências de pessoas que tiveram suas identidades transformadas pelo Senhor”, declara Robinson Amorin.

A música durante o final de semana ficou por conta de Jeferson Pilar, cantor da gravadora Novo Tempo, que reconhece a importância deste evento, “este é um momento para eles passarem com Deus no meio de pessoas que falam a mesma linguagem deles”, afirma o cantor. Jeferson Pilar está entre os cantores mais ouvidos entre adolescentes, ele conta que as suas canções têm o foco nesta faixa etária: “meu maior público alvo são os adolescentes, eu conheci Jesus ainda jovem, nos desbravadores, foi quando me batizei, mas aos 14 anos sai da igreja. E com minha música eu pretendo influenciar esse grupo de jovens, para que permaneçam firmes nos caminhos de Deus. Fazer música para adolescentes e participar desses encontros é um privilégio na minha vida e é Deus que faz essa obra dentro de mim”, declara.

Os adolescentes se emocionaram ao ouvirem o testemunho de Jeferson Pillar, onde , durante a adolescência, se afastou da igreja e buscou fama no mundo da musica, mas ao final percebeu que felicidade só encontramos ao lado de Cristo.

Na noite de abertura, o presidente da Igreja Adventista na região sul-rio-grandense, pastor Marcos Junior, esteve presente para prestigiar e dar apoio a programação. “Estamos preocupados com uma geração que será o futuro da igreja, mas que já faz parte do presente. Uma geração que é bombardeada pela mídia, e a ideia desse evento é chamar a atenção desses adolescentes para as coisas de Deus”, afirma o líder. Solange Lopes, responsável pelo Ministério da Criança e do Adolescente, reafirma este pensamento apresentando o foco principal de toda a programação: “O AdoleTchê Id tem como objetivo levar o adolescente a  se identificar com Cristo, ciente de que pertence à uma geração que verá Cristo Voltar  e deverão estar preparados e inseridos no propósito da igreja, para que eles contribuam para que a Volta de Jesus seja breve”, enfatiza Solange.

Cada adolescente teve 1 hora para ficar a sós com Deus em meio a natureza.Os dias seguintes foram de atividades intensas para a turma de adolescentes. Durante o sábado, além das palestras eles participaram de gincanas bíblicas e um ponto alto da programação foi o momento que eles tiveram para expor suas ideias e tirar suas dúvidas, com pastores e a psicóloga Carolina Raupp. Assuntos diversos entraram na “berlinda”, que foram desde filmes, roupas e até dúvidas mais intimas relacionadas a sexualidade, tudo sendo explanado à luz da Bíblia.

No sábado à tarde, os adolescentes tiveram um momento de paz, ao participarem do projeto “Deus e eu um momento” – cada adolescente teve 1 hora para ficar a sós com Deus em meio a natureza e meditar sobre a vontade de Deus para a sua vida. A noite foi encerrada com a festa temática “Collors” onde a regra era escolher só uma cor de roupa para se vestir. Também aproveitaram a estrutura do Internato, através da piscina, jogos e atividades sociais.

O domingo começou com o clima de despedida e o “gostinho de quero mais” após a meditação da manhã as atividades foram encerradas com uma gincana no ginásio de esportes do internato.  Adolimpíada foi conduzida pelos professores de Educação física do IACS e os adolescentes separados por equipes vibraram ao participar das atividades.

De forma simples e com poucas palavras os adolescentes expressam a alegria de terem participado da programação e do que mais gostaram. “Muito boa a programação, gostei muita das palestras” Fernanda Silva, 14 anos. “Achei tudo muito legal, mas o que eu mais gostei foi quando o cantor Jeferson Pilar se apresentou”, Gustavo F. Sou Silva, 13 anos. “Adorei a programação, nunca participei de nada igual” André Belli de 15 anos. [Equipe ASN, Bianca Lorini]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox